Doces lembranças: invista em guloseimas para lembrancinhas de casamento

Um fato para o qual nem sempre as pessoas se atentam é que lembrancinhas, depois de um curto período de tempo, tendem a ser jogadas no lixo se não tiverem uma função. Por isso, invista em guloseimas para lembrancinhas de casamento e dê a seus convidados doces lembranças!

Lembrança de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Lembrancinhas comestíveis são deliciosas e devem ser consumidas o quanto antes, dando a pessoa que recebe uma lembrança do que aconteceu no dia do casamento. Afinal, quem não curte comer um docinho no dia seguinte da festa? Tal tipo de lembrancinha ajuda nisso, além de evitar que as pessoas retirem os doces da mesa para levar para casa. Outra vantagem das doces lembranças é que não custam caro e costumam agradar a todos.

Quem está naquela fase de escolher as lembrancinhas que vai distribuir no casamento ou se deseja acrescentar algo mais a elas, confira algumas opções de guloseimas que podem funcionar bem:

Latinhas com balinhas de menta: conhecidas como “mint-to-be” (um trocadilho para “meant to be”, que significa “feitos um para o outro”), as latinhas com balinhas de menta são fofas e super práticas. Basta colocá-las no bolso para ter um docinho sempre à mão. Além de deliciosas, são ótimas para disfarçar o hálito.

Festa de Casamento

Fonte: Fina Flor Doces.

Bolo no pote: tendência em todo tipo de festa, o bolo no pote é charmoso e pode até seguir o mesmo sabor do bolo de casamento para relembrar aos convidados como foi este momento do evento. Para um casamento, o ideal é valorizar a embalagem e deixá-la mais elegante, escolhendo um pote de vidro, colocando uma bela embalagem e ainda incluindo uma colherzinha de inox.

Macarons: o doce fino e elegante de origem francesa é um charme e pode ser distribuído tanto de forma individual ou em caixinhas. Os macarons são doces à base de açúcar e farinha de amêndoas que podem não só receber vários tipos de recheio, mas também serem produzidos em diversas cores, o que facilita sua personalização.

Palha italiana: também conhecida como palha brasileira (afinal, foi inventada em território nacional), esse doce costuma combinar o brigadeiro tradicional com camadas de biscoito. Ele é delicioso, encantador e pode ser uma das melhores guloseimas para lembrancinha de casamento, principalmente se for cortado e embalado como um bombom.

Suspiro: um doce que tem sabor de infância é o suspiro. Ele é comumente distribuído em outras ocasiões, mas pode ser um charme também os dar como lembrancinha de casamento. Os mini suspiros são muito bonitinhos e podem ser distribuídos em saquinhos com uma etiqueta com a identidade visual do casamento.

Lembrancinha de casamento

Fonte: Fina Flor Doces.

Caixa de bombons finos: melhor do que uma guloseima, só mesmo uma caixa delas! Os bombons finos são uma lembrança tradicional de casamento que ganham um visual moderno dependendo de como forem confeitados e embalados. Esta é uma lembrancinha interessante, pois uma caixa pode ser apreciada por várias pessoas.

Cookies personalizados: para acompanhar um cafezinho de manhã ou mesmo um chá da tarde, os cookies são ótimas opções de guloseimas para distribuir no casamento. Eles podem ser de vários sabores, formatos e ainda receberem algum tipo de personalização, como um monograma do casal, por exemplo.

Maçã do amor: foi-se o tempo que a maçã do amor era distribuída apenas em festas infantis. Atualmente, ela passou a receber vários tipos de coberturas, muitas vezes sendo até confeitada à mão uma por uma. Há casos em que a maçã fica tão bonita que é impossível reconhecê-la e a pessoa fica extremamente surpresa quando a come.

Brownies: muitas vezes utilizados como substitutos dos bem-casados, os brownies se tornaram muito populares em vários tipos de eventos, inclusive casamentos. Para que o doce fique mais elegante, é comum acrescentar algum tipo de recheio e cobertura, assim como nozes e castanhas na massa. Ele também pode ser confeitado e colocado em caixinhas ou saquinhos.

Lembrancinha de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Brigadeiro no pote: outro doce que pode ficar ainda mais bonito e elegante é o brigadeiro. Quando colocado em delicados potinhos de vidro, fica mais fácil fazer sua armazenagem e distribuição. Se o vidro for pequeno, pode-se colocar mais de um numa caixa; já se o vidro for grande, distribuir um por convidado é suficiente.

Escolha o buffet do casamento de acordo com o estilo do evento

É claro que sempre existirão muitas dúvidas sobre a escolha do buffet de casamento entre os noivos. E isso é normal, pois eles querem agradar a todos e a si mesmos oferecendo opções gostosas e que caibam no bolso. Por isso, uma boa dica é fazer a escolha do buffet do casamento de acordo com o estilo do evento.

Buffet de festa

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Optar por um buffet compatível com o tipo de evento que está sendo organizado cria uma sensação de harmonia e unidade que faz muito sentido. Além disso, como o casamento costuma combinar com o estilo dos noivos, todos os presentes vão perceber que o cardápio foi pensando pelo casal e definido pela personalidade deles e do evento.

É claro que harmonizar o estilo do cardápio com o do casamento é uma proposta interessante, mas que não deve seguir uma regra. Servir um buffet elegante e sofisticado em um casamento com visual rústico, como comidas contemporâneas ou mesmo internacional, obviamente é possível (e até deve) fazer isso.

Mas vale lembrar que o estilo do casamento e do próprio casal cria expectativas entre os convidados, e quando é possível atendê-las o casamento fica ainda mais intimista. Por exemplo, trabalhar com ilhas gastronômicas voltando cada estação para um estilo de culinária. Enfim, se o casal curte a ideia de escolher um buffet do casamento de acordo com o estilo do evento, confira algumas dicas da equipe da Casa de Festas Casuarinas:

Escolha o buffet do casamento de acordo com o estilo do evento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Casamentos durante o dia: casar de manhã ou mesmo próximo a hora do almoço é muito comum. Em tempos de crise, o horário ajuda a diminuir o custo da festa. Os casamentos diurnos são lindos, românticos e têm um toque especial devido à claridade do dia. Esse tipo de evento costuma ser um pouco mais simples e o visual rústico, romântico. Um evento do tipo boho chic combina bastante com ele.

Mas se engana quem pensa que os eventos diurnos são sem graça. É possível servir muita coisa interessante e diferente.

Se o casamento terminar muito cedo, uma opção é ter um vasto café da manhã, onde o toque rústico fica por conta da decoração e dos pratos servidos, que podem ser pães, bolos, frios, dentre outros. Docinhos tradicionais e um belo naked cake podem compor a mesa central, deixando-a linda para fotos. O contraste da louça mais fina com o cardápio mais rústico costuma ser o must do grande dia.

Outra opção para o casamento de dia é um brunch, uma refeição que une o melhor do café da manhã e do almoço. Além de pães, bolos e frios, também é possível oferecer pratos quentes, como massas com molho, ou mesmo saladas leves. Essa é uma ideia legal, bastante popular para quem casa de dia.

Comida para casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

O bolo com champanhe também é uma opção bastante viável e que não exige muito trabalho. Neste caso, após o casamento, os convidados são chamados para um brinde e degustam o bolo junto com algum tipo de bebida, que costuma ser um espumante, mas também pode ser um refrigerante, dependendo da escolha do casal.

Neste caso, como o bolo é o centro das atenções, ele deve ser impecável, e a atenção aos detalhes precisa ser maior ainda. Louças, talheres e taças devem ser de ótima qualidade e estarem num estado de conservação perfeitos. Arranjos de mesa, toalha (se houver) e mesmo as forminhas de doce são um enorme diferencial.

Quando o casamento termina mais próximo ao horário do almoço, nada mais natural do que apresentar um almoço completo para os convidados. Um casamento de dia combina mais com opções mais leves, como massas acompanhadas de molho e uma proteína, saladas variadas e pratos com peixe.

No caso em que a festa é mais simples e familiar não é incomum a realização de um churrasco. Mas apesar de muita gente achar que casamento e churrasco não combinam, o que faz mais diferença é a forma como a comida é apresentada. Montar um buffet no estilo americano com belas travessas e prezar pela qualidade tanto da comida quanto da louça pode tornar esse momento bastante especial.

Casamento churrasco

Fonte: Brisa da Tarde.

E, claro, ter um espaço reservado e decorado com uma bela mesa com o bolo de casamento, os docinhos e alguns arranjos de flores frescas para fazer as fotos oficiais certamente farão com que qualquer churrasco de casamento se torne um evento simples, porém elegante e inesquecível.

Casamentos a tarde: há quem opte em se casar a tarde, o que permite aproveitar bem a luz para fazer fotos lindas! Este tipo de evento costuma ser um pouco mais elegante, mas os toques de rusticidade dão um charme a mais. Além disso, marcar o casamento a tarde pode ser uma ótima ideia para quem deseja realizar um evento bem diferente, como um chá da tarde.

Chás tendem a ser elegantes, pois há necessidade de várias louças e talheres que, geralmente, não vemos muito em casamentos. Além disso, a possibilidade de servir algumas opções mais sofisticadas no cardápio torna essa opção interessante. Basta combinar com o buffet e se inspirar nos chás da tarde ingleses e franceses, tornando este um momento ainda mais único.

Escolher um bolo que combine bem o chá não é difícil. Na verdade, os sabores clássicos e tradicionais, como baunilha com chocolate, nozes, coco com abacaxi e até morango combinam muito bem com a ocasião. Docinhos tradicionais de casamento, como camafeus, bem-casados e fondados complementam bem um chá da tarde de casamento.

Mesa de chá

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Outra ideia bem interessante é investir num coquetel. Ele é mais informal e simples, mas também tende a ser bem animado. Todo mundo adora os petiscos e canapés servidos nestes eventos, até porque podem ser combinados com vários tipos de bebidas diferentes. Aliás, quem desejar um diferencial para um coquetel de casamento pode investir num bom open bar.

Como o coquetel é uma opção mais moderna, vale a pena não só investir numa decoração que siga este estilo, mas também em um bolo e doces que combinem bem. Um bolo tradicional de camadas, mas confeitado em tons escuros, podem causar grande impacto, assim como ter docinhos gourmets diferenciados.

Casamentos a noite: sinônimo de elegância, os casamentos a noite (principalmente os realizados em ambientes fechados) costumam transbordar glamour e nobreza. Os casamentos feitos a noite costumam ser grandes e clássicos, o que geralmente exige belas ambientações, muitas flores e cardápios maravilhosos para jantar.

Vinhos e espumantes estão quase sempre presentes e harmonizados com o cardápio do jantar, que costuma ser completo. Ou seja, há entrada, prato principal e sobremesa, geralmente servidos a mesa pelos garçons. Quem prefere um toque de informalidade pode optar pelo serviço à americana, em que os próprios convidados se servem nas estações.

Buffet para casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Quem quer dar um toque de informalidade a um casamento a noite costuma começar a festa servindo um coquetel, o que é uma ótima ideia. E vale lembrar que jantares de casamento costumam exigir elementos mais nobres; portanto, carnes de alta qualidade, ingredientes importados e até um menu inspirado na culinária moderna são ótimas ideias.

Como este tende a ser um evento bem elegante é comum contar com a assinatura de um chef, que não só ajuda o casal a montar um cardápio interessante, como também cria receitas específicas para o evento e belas apresentações para impressionar os convidados.

Docinhos de casamento tradicionais complementam esse cardápio incrível, assim como o bolo de casamento que pode ser mais clássico ou moderno, dependendo do gosto dos noivos. Também é comum haver outras opções de sobremesa para completar o cardápio e agradar até os paladares mais exigentes.

Vale lembrar que as diversas opções de buffet devem combinar com casa de festas escolhida. Saber escolher a casa de festas é outra questão bastante importante em que os casais têm de pensar.

Como harmonizar bolo e espumante no casamento

Se existe algo que não muda com o passar dos anos é o brinde dos noivos. Ele geralmente é feito com algum tipo de espumante que, teoricamente, combina com o bolo. No entanto, nem sempre os casais se atentam a esse detalhe tão importante. Por isso, saiba mais como harmonizar bolo e espumante no casamento.

Mesa do bolo

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

A regra é simples: quanto mais doce for o bolo, mais o espumante vai parecer seco. Ou seja, um espumante brut ou sec pode até ser mais sofisticado, mas não harmoniza bem com o bolo de casamento. E por espumante podemos levar em conta desde o champanhe francês tradicional até prosecco italiano e várias opções nacionais que não perdem em nada para as bebidas importadas.

Se a variedade de espumantes para brinde de casamento já é enorme, o que dizer então dos bolos? Existe uma profusão tão grande de sabores e combinações que podem ser feitas, que geralmente ficamos confusos e em dúvida na hora de escolher qual a melhor opção. E ainda ter que levar em conta qual espumante mais combina pode tornar tudo ainda mais difícil.

É claro que, se você já escolheu seu bolo, então partirá daí para escolher o espumante e vise-versa. O ideal é levar em conta as características particulares de cada tipo de bolo e das bebidas disponíveis para descobrir como harmonizar um com o outro. E essa escolha será feita basicamente em relação a quantidade de açúcar que cada tipo de espumante possui.

O espumante do tipo brut é, talvez, o mais popular e indicado para casamentos. Ele contém pouco açúcar, mas não é considerado o mais seco e harmoniza bem com a maioria dos pratos e com a maioria dos bolos. Se você fizer questão de servir um espumante deste tipo no seu casamento, saiba que ele combina mais com sabores frutados e fuja dos sabores muito doces.

Festa de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

O espumante do tipo extra-brut ou nature são os mais secos e, apesar de muito elegantes, não costumam ser uma opção tradicional para casamentos devido à falta de açúcar. Por este motivo, quando combinado com bolo, ele não apresenta um sabor agradável, principalmente para quem não está acostumado com bebidas alcoólicas.

O espumante do tipo demi-sec são meio adocicados e costumam harmonizar bem com todo tipo de cardápio e, devido a sua quantidade de açúcar, também tendem a combinar bem com doces, inclusive o bolo. Quando a festa de casamento é do estilo bolo com espumante, é comum que a opção disponível de bebida seja do tipo demi-sec, pois ele não é enjoativo.

Há também o espumante moscatel, que é o mais doce de todos e costuma ser muito popular entres as mulheres. Quando tomado em muita quantidade, ele pode até ser enjoativo, mas também é uma opção que combina bem com bolos e doces devido ao alto teor de açúcar. Mesmo quando se come grandes quantidades de doces, o espumante moscatel continua apresentando um sabor agradável.

E, se você também tem dúvidas da quantidade de espumante que deve ser comprada para o casamento, saiba que, se ele for servido somente no brinde, uma garrafa serve de 8 a 10 pessoas. Já se for servido durante toda a festa, é preciso uma garrafa para duas pessoas. E se os seus convidados tendem a beber muito, calcule uma garrafa por pessoa.

Como harmonizar bolo e espumante no casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Harmonizar bolo e espumante no casamento é um detalhe que nem todos se lembram de prestar atenção, mas pode fazer toda a diferença durante o evento. Mas, com essas dicas, fica impossível cometer esta pequena gafe.

Tendências para cardápio de casamento

Ter um cardápio de casamento delicioso e marcante é o desejo de todo casal que decide realizar uma festa para marcar sua união. É por isso que é sempre bom ficar de olho nas tendências para cardápio de casamento para descobrir o que há de novo e que mais combina com o tipo de evento que você está organizando.

Cardápio para casamento

Por isso, confira algumas das mais atuais tendências para cardápio de casamento:

1. Confort food: sabe aquela comida que tem gosto de reunião familiar e aquece seu estômago e seu coração? Um cardápio baseado em confort food busca exatamente isso: despertar vários sentimentos positivos que lembrem bons momentos junto a entes queridos. E, para isso, não se poupam esforços, até adaptando receitas tradicionais de família!

Mesmo as receitas mais simples e informais podem entrar num cardápio de confort food sem fazer com que o evento pareça menos nobre por isso. O segredo está em saber apresentar esses pratos de forma mais sofisticada para fazê-los combinar com um casamento. Esse tipo de cardápio também é ótimo para quem deseja homenagear os cozinheiros da família durante a festa de casamento.

2. Finger food: essa é uma tendência que parece que veio para ficar por muito tempo. Os finger foods já figuram entre os cardápios mais pedidos de casamento, e não tem como ser diferente. Afinal, eles podem ser comidos com uma ou duas mordidas, enquanto são segurados com apenas uma das mãos. Impossível ser mais prático.

Os finger foods tornam possível oferecer um cardápio mais extenso, tendo em vista que as comidas são devoradas com poucas mordidas, permitindo que os convidados provem mais sabores do que num jantar tradicional. Para quem gosta de ficar na pista de dança e acha incômodo precisar sentar para comer, esta pode ser uma ótima alternativa de cardápio para casamento.

Tendências para casamento

Fonte: Leat Catering.

3. Estações gastronômicas: as estações (ou ilhas) gastronômicas também são uma tendência forte e que têm encantado cada vez mais gente. A ideia é simples: ao invés de montar uma mesa única de buffet, são montadas várias estações em que os convidados podem se servir durante todo o evento dos mais diferentes itens.

A ideia é muito legal e faz com que os convidados circulem mais pela festa, muitas vezes observando detalhes que eles não teriam visto caso o buffet fosse tradicional. É possível, por exemplo, ter ilhas temáticas, cada uma servindo uma comida de um país do mundo ou inspirada em um local que o casal conheceu junto.

4. Culinária internacional: comida japonesa, italiana, tailandesa, peruana… Atualmente, muitos casais gostam de basear o que será servido no casamento na culinária de um país ou região do mundo. Dessa forma, a cozinha internacional se tornou uma forte tendência para cardápios de casamento, o que pode ser lindo e surpreendente.

Afinal, ninguém vai a um casamento esperando encontrar um buffet inspirado na culinária internacional. Por isso, se o casal gostar particularmente de um tipo de comida, ela pode se tornar um ótimo cardápio para o evento, principalmente se for combinada com opções mais tradicionais para agradar a todos.

Tendências para cardápio de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

5. Bolo com champanhe: servir bolo com champanhe para comemorar um casamento já foi uma prática comum. Mas, com o passar dos anos, foi sendo substituída por eventos maiores. Felizmente, esse tipo de festa, que é simples, porém muito fina e elegante, parece estar voltando com tudo e se tornando uma forte tendência para cardápio de casamento.

O bolo com champanhe é extremamente elegante e uma ótima opção para aqueles casais que querem uma reunião menor para comemorar o enlace. Depois da cerimônia, todos são chamados para comer uma fatia de bolo acompanhada de uma taça de espumante. O cardápio curto faz com que essa seja uma festa breve, porém marcante.

Descubra o que é eating time

Todo casal quer que sua festa de casamento seja única e especial. É por isso que eles passam meses organizando o evento, contratam equipes para auxiliar e investem muito tempo e dinheiro em detalhes. E um desses detalhes pode ser o eating time. Se você nunca ouviu falar nisso, descubra o que é eating time e se ele combina com seu casamento.

Dicas sobre o que servir na festa de casamento

Fonte: Enchanted Brides.

Geralmente, quando chegamos a uma festa de casamento, os garçons já estão prontos para servir as bebidas e, logo em seguida, coquetéis e entradas. O convidado recebe tudo pronto e finalizado, podendo geralmente desfrutar de algumas opções de salgados, canapés, finger foods, dentre outros. Esse é o formato mais tradicional de buffet e que sempre esperamos encontrar em qualquer evento.

O eating time busca ser um formato diferente, em que os convidados têm alguma participação na elaboração de seus pratos. Depois que a festa já começou há algum tempo, uma ilha (ou mais de uma) é aberta aos convidados, que ficam sabendo o que há para comer e ainda podem escolher na hora como será a finalização de seus pratos.

Esse novo formato busca trazer a cozinha, que geralmente fica escondida, para o centro da festa, tornando-se uma das atrações principais do evento. Além disso, os convidados ficam realmente impressionados quando percebem que poderão escolher não só o que comer, mas alguns detalhes que fazem com que cada prato seja único.

Essa cozinha, que é montada no meio da festa, fica aberta até o final do evento servindo os convidados das combinações que eles escolherem, mesmo que ela seja muito inusitada. O formato do eating time permite que se sirva uma grande variedade de opções, que são muito bem aproveitadas pelos convidados.

Comida para festa de casamento

Fonte: Cherry Blossom Events.

Dessa forma, quem desejar comer apenas a entrada e pular para a sobremesa não precisa ficar esperando todo o serviço de jantar para comer. Há também quem goste de repetir pratos e às vezes fique com vergonha de pedir mais ao garçom. Tudo isso fica resolvido pelo sistema do eating time, e ainda há a vantagem de cada um escolher alguns detalhes que vão ao prato.

É possível combinar o eating time com outros estilos de serviço. Por exemplo, começar o casamento com um coquetel e deixar os pratos principais e sobremesas por conta do eating time. Outra opção é servir no estilo eating time combinações de finger foods, o que permite que os convidados façam ainda mais combinações de pequenas porções.

Ter uma série de itens à disposição dos convidados, que podem ser combinados de acordo com seu gosto pessoal, não só é surpreendente, mas também evita desperdícios. Afinal, com cada um responsável pela montagem e finalização de seu próprio prato, a probabilidade de entrar algo nele que não agrade a pessoa é mínima.

Além disso, todo mundo gosta de se sentir parte integrante e importante do evento e esta é uma forma de cada convidado deixar sua marca neste momento. Fica difícil esquecer um prato que você mesmo montou em um casamento e que foi finalizado com beleza e primazia na sua frente durante a festa.

Descubra o que é eating time

Fonte: Wedding Planner Magazine.

Outra vantagem do eating time é que ele dá um toque especial de informalidade ao evento, deixando-o mais descontraído, leve e relaxado. Quem não quer um evento muito formal, mas gostaria de manter alguns toques tradicionais no casamento, pode encontrar neste serviço de buffet o que faltava para transformar o evento em algo único.

Agora que você já sabe bem o que é o eating time, fica bem mais fácil decidir se esta é uma boa opção para o seu próprio casamento.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Atualmente, o estilo de vida saudável está em alta, o que se reflete em vários costumes, inclusive na organização de casamentos. Não é incomum encontrar casais que desejam servir um cardápio com opções saudáveis e funcionais na festa de casamento. Mas será que vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Buffet fitness

Fonte: Pinterest.

Um cardápio que une o requinte e elegância que um casamento exige, mas sem deixar as pessoas nem os noivos com peso na consciência: assim são os cardápios fitness, que buscam ter pratos gostosos e bonitos, mas que também sejam nutritivos e apresentem uma baixa contagem de calorias e pouca gordura.

É claro que se o casal costuma levar uma vida saudável e sempre busca investir numa alimentação mais funcional, nada mais natural do que seguir a mesma linha quando vão escolher o cardápio do casamento. Porém, se eles não têm esse costume, investir em um cardápio fitness para o casamento pode causar um enorme estranhamento e agradar muito pouco, inclusive a eles próprios.

Geralmente, os noivos escolhem um cardápio que tenha a cara deles e, claro, é importantíssimo que fiquem satisfeitos com o que estão escolhendo. Mas também é válido lembrar que é preciso agradar os convidados, o que também torna importante ter opções mais tradicionais. Afinal, nem todo mundo gosta de um cardápio fitness.

Independente do estilo do casamento, ter em mente que servir uma boa variedade de opções de comida é importante para que todos os convidados se sintam contemplados com alguns itens. E, dentro dessas várias opções, é possível incluir pratos fitness e saudáveis que se relacionem com o estilo de vida do casal.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Fonte: Pinterest.

Nesse sentido, mesclar opções saudáveis com outras mais tradicionais pode ser bem interessante e agradar a todos os presentes no evento. Saladas e proteínas magras grelhadas (como frango e peixe) assim como massas integrais e sem glúten, por exemplo, combinam entre si e costumam funcionar bem dentro de vários tipos de cardápios, inclusive para casamentos.

Vale lembrar que muita gente, ao pensar em um cardápio fitness, ainda pensa que ele é bem monótono e serve apenas coisas como frango, batata doce e ovos cozidos. Porém, nos dias de hoje, existe uma grande variedade de opções saudáveis maravilhosas que podem se encaixar bem num cardápio de casamento fitness, e fazer bastante sucesso entre os mais diferentes convidados.

Na maioria das vezes, o cardápio com opções saudáveis surpreende positivamente as pessoas, principalmente aquelas que não estão acostumadas com uma culinária mais funcional. Muita gente não conhece todas as opções que são possíveis de serem construídas com alimentos mais saudáveis e acaba espantada com os sabores maravilhosos que experimenta.

Mas, para não decepcionar os convidados, investir em um cardápio que inclua várias opções saudáveis e outras mais “gordinhas” é uma ótima ideia. Dispensar completamente os itens mais tradicionais, como salgadinhos e finger foods, pode causar um estranhamento muito grande nas pessoas e fazer com que elas sintam que não têm opções.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Fonte: Skiplagged.

Para quem também está com um orçamento limitado, misturar o cardápio fitness com o tradicional pode ajudar a economizar um pouco. Afinal, como os ingredientes utilizados na gastronomia funcional são diferenciados e mais caros, um buffet de casamento montado exclusivamente com opções fitness pode acabar sendo muito oneroso.

Por isso, se você está pensando em investir em um cardápio fitness para o casamento, não tenha medo de fazer esta opção saudável. Mas não se esqueça que nem todo mundo pode gostar da ideia e, por isso, é bom ter algumas opções para as pessoas que gostam de um cardápio de casamento mais tradicional.

Como calcular as quantidades de doces para o casamento

Brigadeiros, casadinhos, bombons, cupcakes, camafeus… escolher os doces do casamento é tão difícil! E ainda precisamos nos preocupar com as quantidades. Veja as dicas da casa de festas Casuarinas de como calcular as quantidades de doces para o casamento:

Mesa de doces para casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Doces de casamento precisam ter um visual irresistível, pois não só ficam próximos ao bolo, que é o centro das atenções e o local de muitas fotos, como também deve impressionar os convidados. Mas lembre-se que beleza não é tudo e que o sabor dos docinhos deve combinar bem com o que estamos vendo.

Uma tarefa considerada assustadora pelos noivos é escolher quais docinhos vão ser servidos no casamento. Afinal, existe uma variedade enorme deles e é praticamente impossível ter todos no evento. Por isso, os noivos devem escolher aqueles que gostariam de comer. Misturar doces modernos com tradicionais é uma ótima tendência e ajuda a atender todos os gostos.

Se o casal escolher compor a mesa com bombons, chocolates e cupcakes, eles também devem entrar na conta dos doces para não gerar muitas sobras. Pode até parecer interessante sobrarem muitos doces de casamento, afinal todo mundo quer comer um no dia seguinte. Mas isso pode gerar um verdadeiro problema, principalmente na hora de armazenar tudo em casa.

As sobras de doces podem ser distribuídas entre as famílias do casal para que não ocorra desperdícios. Muitos buffets já estão acostumados com a situação e separam tudo, o que facilita na hora de ir embora.

Como calcular as quantidades de doces para o casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Geralmente, calcula-se de 5 a 7 docinhos de casamento por convidado quando eles não são servidos como sobremesa. Caso eles sejam a sobremesa, 3 a 4 doces por pessoa costuma ser suficiente.

Em relação a variedade de sabores, cada cento de doces pode ser de um tipo diferente. Ou seja, se você tiver mil doces, pode ter até dez sabores diferentes. Mas docinhos tradicionais, como brigadeiro e beijinho, são muito concorridos e vale a pena ter um pouco mais de cada um deles para ninguém passar vontade.

O bolo de casamento, que é o principal doce da festa, também deve ser pensado e calculado com carinho. Bolos de vários andares são realmente lindos, mas podem significar um enorme custo e gerar um grande desperdício se não houver pessoas suficientes para consumi-lo. A quantidade de bolo deve ser calculada de acordo com o número de convidados.

Recomenda-se calcular de 60 a 100 gramas de bolo de casamento por convidado. Quando servido como sobremesa, por exemplo, a fatia deve ser menor, pois os convidados tendem a comer menos, principalmente se houver outras sobremesas. Além disso, há convidados que abrem mão do bolo para comer outras coisas e isso deve ser lembrado ao fazer o cálculo.

Doces de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Se o seu sonho é ter um enorme bolo de casamento, existem formas de se chegar a isso sem causar muito desperdício. Alguns andares do bolo podem não ser comestíveis ou também é possível alugar um enorme bolo fake e ter um grande bolo de corte na cozinha. Isso também pode facilitar na hora de servir, por exemplo.

Vale lembrar que bem-casados e macarons também são doces de casamento muito queridos e, para não faltar, é importante ter dois a três por convidado, pois muita gente gosta de levá-los para casa. Porém, se eles forem servidos como lembrança, oferecer um por pessoa é suficiente.

Casamento no outono/inverno: confira as melhores opções para o cardápio

A época do outono e do inverno é marcada por temperaturas mais amenas e agradáveis, tornando esta uma época ótima para um cardápio de casamento mais quentinho e reconfortante. Se no verão queremos nos refrescar, no inverno desejamos nos aquecer. Então, confira as melhores opções para o cardápio de casamento no outono/inverno:

Casamento no outono/inverno

Fonte: Pinterest.

Queijos, frios e vinhos: quando pensamos em climas mais frios, logo nos vem à mente a degustação de vinhos. E nada combina melhor com vinhos do que uma bela mesa com queijos, frios e pães para acompanhar. Uma mesa de antepastos (como é conhecida) também pode conter outros elementos, mas possui essencialmente frios e pães para harmonizarem com os vinhos.

Essa pode ser uma ótima forma de recepcionar os convidados do casamento, enquanto os noivos não chegam à festa, ou para substituir o coquetel tradicional. Certamente seus convidados serão surpreendidos positivamente.

Sopas, caldos e cremes: nada mais quentinho e confortável do que tomar um caldinho quente numa noite fria. Por isso, adicionar sopas, caldos e cremes no cardápio de casamento no outono/inverno pode ser uma ótima opção. Eles podem ser servidos como um complemento do coquetel ou como entrada para o jantar.

Também pode ser muito interessante ter um buffet de sopas, que é algo que não vemos muito, mas é uma bela opção para surpreender e impressionar os convidados. Não se esqueça de disponibilizar pães e torradas, pois eles são ótimos acompanhamentos para sopas, caldos e cremes.

O que servir num casamento outono/inverno

Fonte: In 2 life.

Massas e risotos: uma massa com molho bem quentinho pode aquecer qualquer noite fria e ainda ser uma ótima opção de cardápio para casamento no outono/inverno, assim como risotos. Quanto mais recente o preparo, mais deliciosas são estas opções. Além disso, uma massa ou risoto bem preparados podem ser realmente elegantes e encantar os convidados.

Vale lembrar que massas são opções certeiras quando não se sabe bem o que servir. Ter duas opções de massa e duas de molho, por exemplo, ajuda a compor um cardápio muito interessante. Além disso, risotos também são ótimas opções de entradas.

Carnes: ótimas opções e que harmonizam bem com vinhos são as carnes, principalmente a bovina. Cardápios de casamento no outono/inverno compostos por algum tipo de carne sempre agradam, pois costumam ser elegantes e ainda recebem acompanhamentos deliciosos, como massas ou risotos. Se quiser acompanhar a carne com uma salada, procure uma mais substancial.

O ragu, por exemplo, é uma receita simples e que está em alta. Medalhão de filé mignon com risoto e escalope de carne com algum tipo de massa também são opções populares e maravilhosas! E não esqueça que carne vermelha combina muito bem com vinho tinto.

Casamento no outono/inverno: confira as melhores opções para o cardápio

Fonte: Pinterest.

Fondue: nada lembra mais o inverno do que um bom fondue. Na verdade, não é raro ir a casamentos e ver fondue de chocolate com frutas. Porém, uma servir uma sequência de fondues no casamento pode ser algo realmente marcante para todos os presentes. Afinal, esta também é uma comida quentinha e reconfortante.

Para servir uma sequência completa de fondues é preciso verificar se o local de festa comporta todos os convidados sentados e se tem autorização para acender os rechauds em todas as mesas com segurança. Afinal, o fondue deve ser preparado na hora pelos comensais, começando com o de queijo, seguido pelo de carnes e finalizado pelo doce.

Apesar do trabalho, essa experiência certamente ficará marcada na memória de todos os presentes como algo único e maravilhoso.

Sobremesas: é comum servir o bolo de casamento como sobremesa do evento, mas nada impede que ele receba uma calda quente para acompanhar ou mesmo que outras sobremesas estejam disponíveis. Aquelas que misturam o frio com o quente, como é o caso do petit gateau ou mesmo do brownie com sorvete, tendem a ser sucesso garantido.

O que servir num casamento no outono/inverno

Fonte: Richfield Regency.

Suflês doces são servidos quentes e possibilitam apresentações maravilhosas, assim como crème brûlée.

Uma opção simples e saborosa que também pode ser servida numa temperatura mais quentinha é o arroz doce, que pode não ser tão refinado, mas certamente é reconfortante para muita gente. Para complementar, um cafezinho ou cappuccino também caem muito bem.

Vale a pena ter uma mesa de chá para casamento

As mesas de chá já tiveram seus tempos áureos, mas caíram no esquecimento. Felizmente, com o retorno de algumas tradições antes esquecidas, essas mesas estão retornando e dando um charme a mais aos eventos. Mas será que vale a pena ter uma mesa de chá para casamento?

Mesa de chá no casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

As mesas de chá, também conhecidas como mesas digestivas, dão uma alegria a mais aos convidados na hora de ir embora. Ela costuma ser montada depois da metade da festa, para que as pessoas que estão indo embora tomem um chá ou café com algumas guloseimas antes de fazer o caminho de volta para casa.

Como muitos casamentos oferecem uma enorme variedade (e quantidade) de comida, ter uma mesa de chá que oferece algumas opções de bebidas que ajudam a despertar e com a digestão pode trazer mais conforto aos convidados que estão indo para casa dormir. Além disso, é de bom tom colocar alguns biscoitos e bombons para complementar a mesa de chá.

Uma mesa digestiva, por si só, costuma ser um deleite para os olhos, pois a arrumações de louças e prataria é linda e pode contribuir para a decoração da festa. Bules, chaleiras e talheres de prata, combinados com lindas xícaras criam aquele clima mais elegante até na saída da festa, tornando o evento ainda mais inesquecível.

Como as cafeteiras de café expresso andam bastante na moda nos últimos tempos, elas também acabaram sendo incorporadas a esta mesa tão querida e festiva, tornando esta uma para obrigatória para os motoristas da rodada. Afinal, é comum que casamentos acabem tarde, e tomar um café expresso antes da volta pra casa ajuda a chegar em casa com mais segurança.

Mesas de Chá em eventos

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Mesas de chá também costumam contar com algumas garrafas de licor, que podem ser tomados em charmosas tacinhas de cristal ou copinhos de chocolate! Os licores são considerados digestivos, principalmente aqueles a base de laranja e limão. Mas ter alguns sabores tradicionais, como chocolate e menta também são opções interessantes.

Contar com uma boa variedade de chás é imprescindível. É por causa deles que a mesa é montada. Chá verde, camomila, gengibre, hortelã, alecrim, sálvia, dentre outros, ajudam na digestão e são boas opções para se ter numa mesa de chá para casamento. Chás de frutas, como de morango, maçã com canela, maracujá, dentre outros, são populares e também devem estar presentes.

Disponibilize também uma pequena variedade de cafés, alguns mais fortes, outros mais fracos, e até um cappuccino, pois agrada muito aos convidados. Ter um barista preparando cafés personalizados é uma atração à parte que pode surpreender seus convidados de forma bem positiva. Se isso não for possível, coloque as bebidas em bules e mantenha um garçom a mesa para servir e repor.

Para complementar essa mesa, belos vidros com biscoitos amanteigados, mini trufas e bombons podem tornar o espaço não só mais bonito como também mais convidativo. Vale lembrar que é comum acompanhar o café com um docinho e, por isso, ter uma pequena variedade disponível pode ser uma ótima opção.

Vale a pena ter uma mesa de chá para casamento?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Se os seus convidados costumam beber muito, uma opção engraçada é disponibilizar na mesa remédios digestivos e para ressaca, que as pessoas podem levar para casa e tomar no dia seguinte caso precisem. Os kits ressaca são divertidos e são apenas mais uma forma elegante de distribuí-los a quem vai realmente precisar dele.

Como a mesa de chá é montada mais para o final da festa, não é preciso exagerar nas quantidades, para não gerar uma grande quantidade de sobra, que pode acabar sendo desperdiçada ou passe meses ocupando espaço na sua despensa. Faça um cálculo médio por convidado levando em conta o que já foi servido, para que a mesa de chá seja apenas um aperitivo final.

O que usar para substituir o bolo de casamento?

O bolo de casamento é um item clássico. Porém, é uma opção do casal ter ou não um bolo no casamento. Muitos têm encontrado alternativas bastante viáveis e muito interessantes de substituir esse detalhe no evento. Mas o que usar para substituir o bolo de casamento?

Tortas para casamento

Fonte: Petaluma Pie Company.

Tortas: seja em sua versão tradicional ou individual, as tortas muitas vezes cumprem o papel de um bolo em vários eventos. E por que não fazer isso em um casamento? Para quem irá usar bolo decorativo, ter tortas para servir aos convidados pode ser uma opção muito boa. Montar uma mesa com várias tortas em diferentes níveis também pode adicionar charme ao evento.

Bolo caseiro: há quem não goste de bolo de casamento e prefira aqueles mais caseiros, com visual rústico e sabor simples. Se este é o seu caso, substituir o bolo de casamento clássico por um mais caseiro pode ser uma ótima opção, principalmente se o seu evento é mais rústico. Vários bolos simples podem ajudar a montar uma mesa de doces linda.

Bolo no pote: o bolo no pote é um desses itens despretensiosos que conquistaram o coração das pessoas. O bolo é cortado e montado com recheios e cobertura dentro do pote, dando oportunidade aos convidados de o comerem no evento ou levarem para casa se já estiverem satisfeitos. Essa é uma ótima opção para quem irá usar um bolo decorativo.

Torre de cupcake: cupcakes também não deixam de ser bolos, porém em uma porção menor e com um visual muito bonito e delicado. Cupcakes geralmente recebem recheios generosos, além de uma cobertura maravilhosa. Quando colocados em uma torre, ficam da altura perfeita para substituírem o bolo de casamento.

O que usar para substituir o bolo de casamento?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Bolo individual: esta nada mais é do que outra forma de servir um bolo numa porção individual. Os bolos individuais são muito bonitos e também podem ser distribuídos para que as pessoas comam na festa ou levem para casa. Esta pode, ainda, ser uma ótima opção para dar aos convidados para quem irá utilizar um bolo decorativo. Os bolos individuais podem, inclusive, ter o mesmo visual que o decorativo.

Torre de macarons: nada mais elegante do que uma torre de macarons! O doce, feito com farinha de amêndoas, é considerado uma verdadeira iguaria e pode criar um visual lindo quando organizado em torres. Essa também é uma opção de arrumação para o doce que o deixa com uma ótima altura, de forma a destacá-lo dos outros doces.

Sorvete: quem não gosta de sorvete? Principalmente no verão, esta pode ser uma ótima opção para refrescar os convidados de forma surpreendente. É possível sim fazer um bolo de sorvete superbonito e bem decorado, porém ele não pode ficar em cima de uma mesa durante todo o evento, pois derrete com muita facilidade.

Cakepop: cakepops consistem em docinhos feitos de bolo esfarelado que recebem algum tipo de liga, que pode ser brigadeiro, doce de leite, beijinho de coco, etc. Os cakepops tem um visual muito bonito e podem receber uma cobertura decorativa para que fiquem com uma aparência mais compatível com um casamento. Torres de cakepops são lindas e contribuem com a decoração do evento.

Doces de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Brownie: os brownies estão em alta. Tanto que eles têm sido muito utilizados como substitutos do bem-casado. Porém, eles também podem substituir o bolo de casamento, principalmente se forem organizados em uma torre ou pilha. Os brownies podem ser recheados para ficarem ainda mais gostosos.

Bolo de queijo: quem disse que todo bolo de casamento deve ser doce? Para quem não gosta de doces, ter um bolo de queijo pode ser uma ótima ideia. Além disso, ele não dá muito trabalho. Basta escolher vários queijos que possam ser empilhados, resistam bem fora da geladeira e arrumá-los em uma pilha no evento. Isso, com certeza, irá surpreender muito os convidados.