Casamento no outono/inverno: confira as melhores opções para o cardápio

A época do outono e do inverno é marcada por temperaturas mais amenas e agradáveis, tornando esta uma época ótima para um cardápio de casamento mais quentinho e reconfortante. Se no verão queremos nos refrescar, no inverno desejamos nos aquecer. Então, confira as melhores opções para o cardápio de casamento no outono/inverno:

Casamento no outono/inverno

Fonte: Pinterest.

Queijos, frios e vinhos: quando pensamos em climas mais frios, logo nos vem à mente a degustação de vinhos. E nada combina melhor com vinhos do que uma bela mesa com queijos, frios e pães para acompanhar. Uma mesa de antepastos (como é conhecida) também pode conter outros elementos, mas possui essencialmente frios e pães para harmonizarem com os vinhos.

Essa pode ser uma ótima forma de recepcionar os convidados do casamento, enquanto os noivos não chegam à festa, ou para substituir o coquetel tradicional. Certamente seus convidados serão surpreendidos positivamente.

Sopas, caldos e cremes: nada mais quentinho e confortável do que tomar um caldinho quente numa noite fria. Por isso, adicionar sopas, caldos e cremes no cardápio de casamento no outono/inverno pode ser uma ótima opção. Eles podem ser servidos como um complemento do coquetel ou como entrada para o jantar.

Também pode ser muito interessante ter um buffet de sopas, que é algo que não vemos muito, mas é uma bela opção para surpreender e impressionar os convidados. Não se esqueça de disponibilizar pães e torradas, pois eles são ótimos acompanhamentos para sopas, caldos e cremes.

O que servir num casamento outono/inverno

Fonte: In 2 life.

Massas e risotos: uma massa com molho bem quentinho pode aquecer qualquer noite fria e ainda ser uma ótima opção de cardápio para casamento no outono/inverno, assim como risotos. Quanto mais recente o preparo, mais deliciosas são estas opções. Além disso, uma massa ou risoto bem preparados podem ser realmente elegantes e encantar os convidados.

Vale lembrar que massas são opções certeiras quando não se sabe bem o que servir. Ter duas opções de massa e duas de molho, por exemplo, ajuda a compor um cardápio muito interessante. Além disso, risotos também são ótimas opções de entradas.

Carnes: ótimas opções e que harmonizam bem com vinhos são as carnes, principalmente a bovina. Cardápios de casamento no outono/inverno compostos por algum tipo de carne sempre agradam, pois costumam ser elegantes e ainda recebem acompanhamentos deliciosos, como massas ou risotos. Se quiser acompanhar a carne com uma salada, procure uma mais substancial.

O ragu, por exemplo, é uma receita simples e que está em alta. Medalhão de filé mignon com risoto e escalope de carne com algum tipo de massa também são opções populares e maravilhosas! E não esqueça que carne vermelha combina muito bem com vinho tinto.

Casamento no outono/inverno: confira as melhores opções para o cardápio

Fonte: Pinterest.

Fondue: nada lembra mais o inverno do que um bom fondue. Na verdade, não é raro ir a casamentos e ver fondue de chocolate com frutas. Porém, uma servir uma sequência de fondues no casamento pode ser algo realmente marcante para todos os presentes. Afinal, esta também é uma comida quentinha e reconfortante.

Para servir uma sequência completa de fondues é preciso verificar se o local de festa comporta todos os convidados sentados e se tem autorização para acender os rechauds em todas as mesas com segurança. Afinal, o fondue deve ser preparado na hora pelos comensais, começando com o de queijo, seguido pelo de carnes e finalizado pelo doce.

Apesar do trabalho, essa experiência certamente ficará marcada na memória de todos os presentes como algo único e maravilhoso.

Sobremesas: é comum servir o bolo de casamento como sobremesa do evento, mas nada impede que ele receba uma calda quente para acompanhar ou mesmo que outras sobremesas estejam disponíveis. Aquelas que misturam o frio com o quente, como é o caso do petit gateau ou mesmo do brownie com sorvete, tendem a ser sucesso garantido.

O que servir num casamento no outono/inverno

Fonte: Richfield Regency.

Suflês doces são servidos quentes e possibilitam apresentações maravilhosas, assim como crème brûlée.

Uma opção simples e saborosa que também pode ser servida numa temperatura mais quentinha é o arroz doce, que pode não ser tão refinado, mas certamente é reconfortante para muita gente. Para complementar, um cafezinho ou cappuccino também caem muito bem.

Vale a pena ter uma mesa de chá para casamento

As mesas de chá já tiveram seus tempos áureos, mas caíram no esquecimento. Felizmente, com o retorno de algumas tradições antes esquecidas, essas mesas estão retornando e dando um charme a mais aos eventos. Mas será que vale a pena ter uma mesa de chá para casamento?

Mesa de chá no casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

As mesas de chá, também conhecidas como mesas digestivas, dão uma alegria a mais aos convidados na hora de ir embora. Ela costuma ser montada depois da metade da festa, para que as pessoas que estão indo embora tomem um chá ou café com algumas guloseimas antes de fazer o caminho de volta para casa.

Como muitos casamentos oferecem uma enorme variedade (e quantidade) de comida, ter uma mesa de chá que oferece algumas opções de bebidas que ajudam a despertar e com a digestão pode trazer mais conforto aos convidados que estão indo para casa dormir. Além disso, é de bom tom colocar alguns biscoitos e bombons para complementar a mesa de chá.

Uma mesa digestiva, por si só, costuma ser um deleite para os olhos, pois a arrumações de louças e prataria é linda e pode contribuir para a decoração da festa. Bules, chaleiras e talheres de prata, combinados com lindas xícaras criam aquele clima mais elegante até na saída da festa, tornando o evento ainda mais inesquecível.

Como as cafeteiras de café expresso andam bastante na moda nos últimos tempos, elas também acabaram sendo incorporadas a esta mesa tão querida e festiva, tornando esta uma para obrigatória para os motoristas da rodada. Afinal, é comum que casamentos acabem tarde, e tomar um café expresso antes da volta pra casa ajuda a chegar em casa com mais segurança.

Mesas de Chá em eventos

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Mesas de chá também costumam contar com algumas garrafas de licor, que podem ser tomados em charmosas tacinhas de cristal ou copinhos de chocolate! Os licores são considerados digestivos, principalmente aqueles a base de laranja e limão. Mas ter alguns sabores tradicionais, como chocolate e menta também são opções interessantes.

Contar com uma boa variedade de chás é imprescindível. É por causa deles que a mesa é montada. Chá verde, camomila, gengibre, hortelã, alecrim, sálvia, dentre outros, ajudam na digestão e são boas opções para se ter numa mesa de chá para casamento. Chás de frutas, como de morango, maçã com canela, maracujá, dentre outros, são populares e também devem estar presentes.

Disponibilize também uma pequena variedade de cafés, alguns mais fortes, outros mais fracos, e até um cappuccino, pois agrada muito aos convidados. Ter um barista preparando cafés personalizados é uma atração à parte que pode surpreender seus convidados de forma bem positiva. Se isso não for possível, coloque as bebidas em bules e mantenha um garçom a mesa para servir e repor.

Para complementar essa mesa, belos vidros com biscoitos amanteigados, mini trufas e bombons podem tornar o espaço não só mais bonito como também mais convidativo. Vale lembrar que é comum acompanhar o café com um docinho e, por isso, ter uma pequena variedade disponível pode ser uma ótima opção.

Vale a pena ter uma mesa de chá para casamento?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Se os seus convidados costumam beber muito, uma opção engraçada é disponibilizar na mesa remédios digestivos e para ressaca, que as pessoas podem levar para casa e tomar no dia seguinte caso precisem. Os kits ressaca são divertidos e são apenas mais uma forma elegante de distribuí-los a quem vai realmente precisar dele.

Como a mesa de chá é montada mais para o final da festa, não é preciso exagerar nas quantidades, para não gerar uma grande quantidade de sobra, que pode acabar sendo desperdiçada ou passe meses ocupando espaço na sua despensa. Faça um cálculo médio por convidado levando em conta o que já foi servido, para que a mesa de chá seja apenas um aperitivo final.

O que usar para substituir o bolo de casamento?

O bolo de casamento é um item clássico. Porém, é uma opção do casal ter ou não um bolo no casamento. Muitos têm encontrado alternativas bastante viáveis e muito interessantes de substituir esse detalhe no evento. Mas o que usar para substituir o bolo de casamento?

Tortas para casamento

Fonte: Petaluma Pie Company.

Tortas: seja em sua versão tradicional ou individual, as tortas muitas vezes cumprem o papel de um bolo em vários eventos. E por que não fazer isso em um casamento? Para quem irá usar bolo decorativo, ter tortas para servir aos convidados pode ser uma opção muito boa. Montar uma mesa com várias tortas em diferentes níveis também pode adicionar charme ao evento.

Bolo caseiro: há quem não goste de bolo de casamento e prefira aqueles mais caseiros, com visual rústico e sabor simples. Se este é o seu caso, substituir o bolo de casamento clássico por um mais caseiro pode ser uma ótima opção, principalmente se o seu evento é mais rústico. Vários bolos simples podem ajudar a montar uma mesa de doces linda.

Bolo no pote: o bolo no pote é um desses itens despretensiosos que conquistaram o coração das pessoas. O bolo é cortado e montado com recheios e cobertura dentro do pote, dando oportunidade aos convidados de o comerem no evento ou levarem para casa se já estiverem satisfeitos. Essa é uma ótima opção para quem irá usar um bolo decorativo.

Torre de cupcake: cupcakes também não deixam de ser bolos, porém em uma porção menor e com um visual muito bonito e delicado. Cupcakes geralmente recebem recheios generosos, além de uma cobertura maravilhosa. Quando colocados em uma torre, ficam da altura perfeita para substituírem o bolo de casamento.

O que usar para substituir o bolo de casamento?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Bolo individual: esta nada mais é do que outra forma de servir um bolo numa porção individual. Os bolos individuais são muito bonitos e também podem ser distribuídos para que as pessoas comam na festa ou levem para casa. Esta pode, ainda, ser uma ótima opção para dar aos convidados para quem irá utilizar um bolo decorativo. Os bolos individuais podem, inclusive, ter o mesmo visual que o decorativo.

Torre de macarons: nada mais elegante do que uma torre de macarons! O doce, feito com farinha de amêndoas, é considerado uma verdadeira iguaria e pode criar um visual lindo quando organizado em torres. Essa também é uma opção de arrumação para o doce que o deixa com uma ótima altura, de forma a destacá-lo dos outros doces.

Sorvete: quem não gosta de sorvete? Principalmente no verão, esta pode ser uma ótima opção para refrescar os convidados de forma surpreendente. É possível sim fazer um bolo de sorvete superbonito e bem decorado, porém ele não pode ficar em cima de uma mesa durante todo o evento, pois derrete com muita facilidade.

Cakepop: cakepops consistem em docinhos feitos de bolo esfarelado que recebem algum tipo de liga, que pode ser brigadeiro, doce de leite, beijinho de coco, etc. Os cakepops tem um visual muito bonito e podem receber uma cobertura decorativa para que fiquem com uma aparência mais compatível com um casamento. Torres de cakepops são lindas e contribuem com a decoração do evento.

Doces de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Brownie: os brownies estão em alta. Tanto que eles têm sido muito utilizados como substitutos do bem-casado. Porém, eles também podem substituir o bolo de casamento, principalmente se forem organizados em uma torre ou pilha. Os brownies podem ser recheados para ficarem ainda mais gostosos.

Bolo de queijo: quem disse que todo bolo de casamento deve ser doce? Para quem não gosta de doces, ter um bolo de queijo pode ser uma ótima ideia. Além disso, ele não dá muito trabalho. Basta escolher vários queijos que possam ser empilhados, resistam bem fora da geladeira e arrumá-los em uma pilha no evento. Isso, com certeza, irá surpreender muito os convidados.

Opções de doces para casamento no verão

Quem marca o casamento para as épocas de maior calor sempre busca formas de refrescar a festa oferecendo bebidas bem geladas. Mas que tal estender essa refrescância para a mesa de doces? Confira opções de doces para casamento no verão:

Opções de doces para casamento no verão

Fonte: Inside Weddings.

1. Sorvete: quando está calor, nada melhor do que um sorvetinho para se refrescar. É possível, por exemplo, ter uma food bike de sorvete e deixar os convidados escolherem o que comer. Outra opção é oferecer casquinhas de sorvete servidas pelos garçons. Sorvetes de frutas costumam ser bem refrescantes, mas o de creme é mais neutro e ainda combina com petit gateau, brownie e bolo.

2. Picolé: o princípio do picolé é quase o mesmo do sorvete, com a vantagem de ser muito mais fácil de servir e não gerar quase nenhum desperdício. Em épocas de muito calor, vale a pena até ter mais de um por convidado. Sabores tropicais, como manga, maracujá e abacaxi são ótimas opções, mas é bom ter sabores mais tradicionais, como chocolate e baunilha.

3. Geladinho: também conhecido como sacolé, o geladinho consiste em sucos congelados dentro de um invólucro. É claro que os industrializados são muito mais práticos, mas os caseiros são muito mais gostosos e dão pouquíssimo trabalho de fazer. Se possível, opte por geladinhos feitos de suco natural, que são deliciosos e muito mais saudáveis.

4. Raspadinha de gelo: pode parecer coisa de criança, mas ninguém resiste a uma boa raspadinha de gelo. Existem empresas especializadas em fazer raspadinhas para eventos, que disponibilizam uma equipe de profissionais especialmente para cuidar da máquina e saborizar as raspadinhas. Ter raspadinhas para crianças e para adultos (alcoólica) pode ser uma ótima ideia.

Doces para casamento no verão

5. Mousse: um doce macio, suave e geladinho que costuma agradar a todos. Oferecer mousses como doces para casamento no verão pode tornar o evento ainda mais marcante. É válido ter uma pequena variedade de sabores para poder atender a todos os gostos e mais de um por convidado, pois as pessoas podem sentir vontade de comer mais de um mousse.

6. Pavê: doce clássico e presente em praticamente todos os lares brasileiros, o pavê consiste em camadas de biscoito e creme e podem levar frutas, chocolates, geleias, amendoim, dentre outros sabores. Novamente, se você oferecer uma variedade de sabores de pavê no seu casamento, tenha mais de um por convidado.

7. Cheesecake: o doce tipicamente americano tem conquistado paladares pelo mundo todo devido à maravilhosa combinação de queijo com geleia, que costuma ser servida gelada. Uma fatia de chessecake pode funcionar muito bem como sobremesa para um almoço ou jantar de casamento. A opção de mini torta também é ótima e pode ser oferecida com lembrancinha, por exemplo.

8. Mini tortas: as mini tortas (ou tarteletes) podem ser muito refrescantes durante o verão, principalmente aquelas que levam frutas em sua composição. Minitortas geralmente possuem uma casquinha crocante, coberta por camada de creme de confeiteiro e complementada com uma fruta ou chocolate, o que pode agradar um número enorme de pessoas.

Opções de doces para casamento no verão

Fonte: Kawaii Craft Cottage.

9. Charlotte: esse é um tipo de torta gelada que tem recheio de frutas e é envolvida em biscoito champanhe. Charlottes não são só deliciosas e refrescantes, também são lindas e podem ajudar a decorar muito bem uma mesa de doces. No entanto, quando usadas desta forma, as charlottes esquentam e podem não ficar com o efeito desejado depois de um determinado tempo.

10. Bolo de sorvete: quem disse que bolo de sorvete é coisa de criança? Eles podem ser ótimas opções para surpreender os convidados. É claro que o bolo precisa ficar refrigerado, mas ele pode dar um toque especial e único ao casamento. Além disso, eles ficam ótimos com um chantili bem geladinho, que só ajudam a dar mais charme para este doce que é perfeito para um casamento no verão.

Cardápio mini degustação para casamentos

Há casais que não querem um casamento muito refinado e elegante nem completamente informal. Por isso, investem em uma decoração e comidas que transmitem isso, como é o caso do cardápio mini degustação para casamentos.

Cardápio mini degustação para casamentos

Fonte: MTP Comfort Inn.

A mini degustação nada mais é do que uma refeição menor, em que são servidos vários pratos quentes em porções pequenas, permitindo ao convidado provar vários sabores e até repetir o que ele desejar. Podem ser servidos quantos pratos os noivos desejarem, mas o mais comum é se investir em dois ou três pratos quentes e vários food fingers.

O cardápio mini degustação para casamentos é utilizado principalmente por casais que querem ser menos tradicionais, mas que ainda assim desejam surpreender seus convidados. Com este tipo de cardápio de casamento é possível criar uma experiência gastronômica incrível, tornando o evento ainda mais inesquecível.

Casais jovens são os principais adeptos do cardápio de casamento com mini degustação. Com esse tipo de menu é possível servir comidas bem tradicionais com apresentações diferentes e inovadoras, deixando-as tanto contemporâneas quanto menos informal.

Também é possível incorporar comidas que o casal gosta ou até receitas tradicionais da família, que deixam o cardápio mais especial e com gosto de festa familiar. Esse tipo de opção torna o cardápio mais personalizado, surpreendente e, inclusive, emocionante.

 Mini degustação

Fonte: Saha.

O maior temor das pessoas é que, por se tratar de mini porções, os convidados não se sentirão satisfeitos, o que não é verdade. Ao servir mini porções os casais terão a oportunidade de servir um número maior de opções de pratos e os convidados de provar muitos desses sabores, o que não acontece no caso de jantares tradicionais.

Geralmente o cardápio mini degustação para casamentos é precedido por um coquetel e servido no modelo empratado, com as pequenas refeições saindo da cozinha prontas para serem servidas.

A ordem para servir as comidas é a mesma que se segue em um jantar tradicional. Primeiro são servidos salgadinhos e aperitivos, seguidos de antepastos, sopas, caldos e entradas. Em seguida, são servidas as mini refeições, que pode ser uma massa com molho quente, acompanhada ou não de uma proteína, ou algum tipo de carne com suas guarnições.

Por fim, serve-se a sobremesa, que podem ser tradicionais, como mousses, pudins e pavês, por exemplo, ou o bolo de casamento e os doces podem ser oferecidos aos convidados como sobremesa da festa de casamento. Uma opção interessante é servir bolo com sorvete no verão ou bolo com calda quente no inverno. Isso ajuda a criar novas camadas de sabores e surpreender os convidados.

Buffet casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

A grande vantagem do cardápio mini degustação para casamentos é a possibilidade de se oferecer vários pratos diferentes sem que ocorra muito desperdício, tendo em vista o tamanho das porções que são servidas. Além disso, ao servir o bolo e os doces como sobremesa ajuda a economizar com a compra de mais comidas que nem sempre são consumidas, também diminuindo o desperdício.

Outra vantagem do cardápio mini degustação para casamentos é que as pessoas são servidas na mesa e não precisam enfrentar aquelas filas enormes que se formam nos buffets, o que aumenta o conforto dos convidados. Como se tratam de pratos pequenos, mesmo os convidados que estejam em mesas altas ou sentados em lounges não terão dificuldades em comer.

Quem deseja ter um casamento elegante, porém menos informal e mais dinâmico, pode optar sem sustos pelo cardápio mini degustação. Isso com certeza ajudará o evento a se tornar o sucesso que todo casal sonha ao organizar um casamento.

Como escolher o que servir no chá de panela

O chá de panela (ou chá de cozinha, chá bar, etc.) é um desses eventos incríveis que antecedem o casamento e servem para reunir os amigos próximos e família para um momento de descontração. Se o seu está chegando, veja como escolher o que servir no chá de panela.

Chá de panela

Fonte: Saseso.

Antes de começar a preparação do evento, lembre-se que esta é uma reunião de amigos. Ou seja, não precisa organizar um superevento cheio de detalhes e decorações rebuscadas. O evento principal é o casamento e nada deve ofuscá-lo. Por isso, tenha parcimônia nas suas decisões. A maior parte do investimento deve ser feito no casamento e na lua de mel, e não no chá de panela.

O chá de panela costuma ocorrer no fim da tarde e início da noite, mas isso não é uma regra. É provável, inclusive, ao marcar um brunch ou almoço, o número de comparecimentos seja até maior, pois poucas pessoas marcam eventos para manhã. Eventos à noite são mais comuns e pode ser difícil concorrer com casamentos e aniversários.

O cardápio do chá de panela vai depender não só do orçamento, mas também do horário do evento. É incrível o que podemos conseguir mesmo com um orçamento apertado, principalmente se nos propormos a pôr a mão na massa. Ao fazer os itens em casa, por exemplo, gastamos somente o material, enquanto o que é encomendado fora tem a mão de obra embutida no valor.

Para um brunch ou lanche, elabore um cardápio simples e serva comidinhas tradicionais de festa como sanduiches, salgados e canapés. Como é pouco provável a contratação de garçons para seu chá de panela, arrume uma mesa bem bonita para que seus convidados possam se servir. O que não estiver na mesa sendo consumido deve ficar arrumado em travessas e pratos na cozinha para que seja fácil ir substituindo os itens que forem acabando.

Como escolher o que servir no chá de panela

Fonte: Fantabulosity.

O ideal é ter uma mesa para salgados e outra para doces, mas isso nem sempre é possível. Se não houver condições de colocar as duas mesas no espaço disponível, monte uma única mesa e delimite bem os espaços. É comum começar consumindo os salgados para comer o bolo e os doces somente depois das brincadeiras tradicionais que ocorrem em chás de panela.

Arrume também um lugar especial para as bebidas, que devem ser resfriadas com antecedência. Caso tenha jarras e suqueiras para decorar a mesa, o espaço ficará com um charme ainda mais especial. Sirva bebidas quentes como chá, café e chocolate, mas precisará de garrafas térmicas de boa qualidade para isso, assim como xícaras.

Na opção por fazer um churrasco ou servir uma refeição como almoço ou jantar, será preciso mais material de apoio, como pratos, copos e talheres. Além disso, para que ninguém fique preso a churrasqueira, pode ser necessário contratar um profissional.

Tente fazer na véspera os acompanhamentos do churrasco, como farofa, maionese, vinagrete, dentre outros, para se concentrar apenas na arrumação do espaço no dia. Depois que todos tiverem feito sua refeição, basta recolher o que sobrou e arrumar uma mesa com o bolo e os doces, que funcionarão como sobremesa.

Comidas para o chá de panela

Fonte: She Knows.

No caso de almoços ou jantares (que não sejam churrasco), dê preferência a servir itens assados, como empadões, pernil, frango, dentre outros, pois essas comidas podem ser feitas com antecedência e apenas esquentadas na hora de servir, gerando menos trabalho no dia do chá de panela.

Atenção à quantidade de comida e bebida para não exagerar, gerando um enorme desperdício, ou faltar, o que pode fazer com que seja necessário correr ao mercado. Em chás de panelas só para mulheres, o consumo tende a ser menor, pois elas comem menos. Se for convidar homens e mulheres, pode ser preciso um pouco mais de comida.

Agora que já sabe como escolher o que servir no chá de panela, fica bem mais fácil organizar esse pequeno evento e fazer dele um sucesso!

Monte uma mesa de doces de casamento para impressionar seus convidados

Depois dos noivos, esse é o componente da festa de casamento que chama mais atenção. As mesas de doces são um deleite para o olhar e o paladar. Tanto que os casais têm investido cada vez mais nesta atração.

Mesa de doces decorada

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Brigadeiros, beijinhos, casadinhos, bem-casados, cupcakes, quindins, docinhos fondados, caramelados, clássicos e modernos. Essas são apenas algumas das guloseimas que encontramos em uma mesa de doces de casamento que tornam o evento mais bonito e açucarado.

A mesa de doces de casamento sempre apresenta uma seleção de lindos e deliciosos doces escolhidos pelos noivos para adoçar a noite de seu casamento. Esse elemento também funciona como peça fundamental da decoração, principalmente porque tem o bolo de casamento como peça central, acompanhado dos docinhos, que ajudam a criar um lindo visual.

Vale destacar que, em muitos casamentos, a mesa de doces é o local escolhido para grande parte das fotos posadas, tendo em vista que é nela que está o bolo. Além disso, como esse é um espaço da festa que tende a ser muito bem decorado, nada mais natural do que querer usá-lo como pano de fundo para as imagens que irão eternizar o momento.

Se você quer montar uma mesa de doces de casamento para impressionar seus convidados, o primeiro passo é escolher o bolo e partir dele para a montagem de uma cenografia que o destaque, mas que também reserve um lugar especial para os doces. Quanto mais elementos decorativos forem utilizados, menos doces caberão na mesa, por isso pense bem nas prioridades.

Monte uma mesa de doces de casamento para impressionar seus convidados

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Lembre-se que os doces, por si só, já costumam ser pequenas obras de arte e seu brilho não deve ser ofuscado por um excesso de elementos decorativos. No entanto, pratos, bandejas, arranjos florais e até cristais ajudam na composição de uma mesa de doces de casamento que impressiona. O ponto principal é saber balancear os itens.

A escolha do próprio mobiliário que servirá de apoio é muito importante. Mesas neutras ajudam a destacar as guloseimas e a decoração. Há também a opção de se utilizar uma toalha de mesa bem bonita na criação desse cantinho especial. Até mesas com gavetas podem ser usadas, tendo em vista que esse pode ser o local perfeito para colocar alguns docinhos ou flores.

Como uma mesa de doces de casamento é algo muito especial e requintado, não se pode esquecer de dar atenção às forminhas dos doces. Afinal, aquelas forminhas de papel comum podem não ser a melhor opção. Invista em formas especiais de materiais diferentes, como as de tecido, que ajudam a complementar bem os docinhos e, consequentemente, a mesa.

Os profissionais que trabalham na montagem da decoração da festa acabam gastando bastante tempo na mesa de doces. Afinal, organizar todos os itens de forma a criar um espaço bonito, coeso e sem excessos pode ser realmente difícil e cansativo. Quanto maior o evento, mais tempo será gasto na criação de uma mesa de doces de casamento para impressionar seus convidados.

Mesa de doces personalizada

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Mais do que a mesa de doces em si, também é importante pensar no plano de fundo que será utilizado para destacar todos os elementos da mesa. Afinal, uma mesa de doces encostada numa parede branca nem sempre é muito convidativa.

Espelhos, muros ingleses, painéis iluminados e até cortinados podem ser usados para a criação de um fundo bem interessante para a mesa de doces de casamento. Elementos como árvores, arbustos, postes de iluminação e até luzinhas podem complementar o espaço, deixando-o ainda mais charmoso.

Além disso, a mesa deve combinar com o estilo do casamento e dos noivos. Casais que optam por um evento clássico geralmente preferem um lindo bolo branco e doces mais requintados, como camafeus de nozes e macarons. Já quem realiza um casamento rústico pode preferir um naked cake florido rodeado de docinhos tradicionais.

Agora que você já sabe como montar uma mesa de doces de casamento para impressionar seus convidados é só escolher os elementos que irão compor a sua e esperar o grande dia para poder provar todas essas delícias e aproveitar o belo visual.

Festa de noivado: dicas de organização

Antigamente, quando um casal ficava noivo, era normal fazer uma festa para anunciar a notícia à família, oferecer um jantar, marcar a data, etc. A tradição, que ficou um pouco fora de moda por algum tempo, tem estado com tudo atualmente! E quem precisa de dicas de organização para festa de noivado vai adorar essa lista da Casuarinas Casa de Festas.

Pedido de casamentoFonte: Wise Geek.

Dicas de organização para festas de noivado:

  • O pedido de casamento é um momento de muita alegria, que pode ou não ser compartilhado. Se os noivos não têm condições de bancar essa festa, ou simplesmente não querem, não há problema algum em deixar esse pequeno evento de lado.
  • O casal que optar por realizar uma festa de noivado deve se organizar com antecedência, evitando o estresse de precisar tomar decisões corridas e fazer escolhas em cima da hora. O importante é criar um clima aconchegante para recepcionar os convidados no espaço escolhido para a festa, com uma decoração que seja a cara do casal.
  • A festa de noivado é um evento mais íntimo, para a família e amigos mais próximos, portanto a lista de convidados é curta. Pais e irmãos dos noivos e alguns amigos que fazem realmente parte da vida e história de ambos devem ser convidados. Os outros parentes, amigos e colegas serão convidados para o casamento, portanto, seus nomes geralmente não entram nessa lista.

Brinde de noivadoFonte: Soda Head.

  • O bom senso é sempre um ótimo aliado na hora de fazer os preparativos para a festa de noivado. Portanto, não exagere na decoração e nem no cardápio para não ofuscar o brilho do casamento que estar por vir. A maior parte do dinheiro disponível para o evento deve ser investido na cerimônia e na festa de casamento, tornando-o um dia inesquecível. A festa de noivado pode ser bem mais simples.
  • Você não precisa enviar um convite por escrito. A festa é pequena e terá poucos convidados. Portanto, o ideal é ligar para todos com um pouco de antecedência e fazer o convite verbalmente. Quem fizer questão de ter convites escritos ou ficar com medo de que as pessoas esqueçam data, horário e endereço, pode investir em algo DIY (do inglês “Do It Yourself”, ou seja, Faça Você Mesmo) ou comprar um modelo pronto em papelarias ou lojas de artigos para festa.
  • Como o evento é pequeno e intimista é muito comum que os futuros noivos escolham um restaurante que gostem e convidem os parentes e amigos para almoçar ou jantar. Ou ainda ofereçam um pequeno coquetel ou refeição em casa, sem muita formalidade.

Doces para festa de noivadoFonte: The Every Last Detail.

  • O importante é ter comida e bebida suficiente para todos. Cada um pode se servir do que quiser, dando um tom bem informal e agradável à festa, que deve ter a cara dos noivos. Um pouco de decoração pode ajudar nisso, e as do tipo DIY também são bem legais para o momento. Quem não tiver tempo ou facilidade para trabalhos manuais, pode recorrer a decorações para festas de noivado prontas, vendidas em lojas de artigos para festa.
  • Uma festa de noivado pede um bolo de noivado, que é muito parecido com o de casamento, só que bem menor. Essa é uma ótima oportunidade para conhecer o trabalho de alguns fornecedores, que podem acabar contratados também para o grande dia.
  • É importante separar um momento da festa para fazer o pedido de casamento formal. Afinal, é por isso que todos estão reunidos. O ideal é fazer isso antes de cortar o bolo, após o coquetel ou refeição. Assim, logo em seguida, todos fazem um brinde e o bolo é servido como sobremesa.

Mesa para festa de noivadoFonte: At home with Natlie.

  • Em festas de noivado não é obrigatório dar presentes. Os convidados já terão que arcar com muitos outros custos num futuro próximo (presente de casamento, chá de panela, roupas, sapatos, etc) que acabam pesando no orçamento. Dar ou não um presente fica a cargo do convidado, que deve sempre ser agradecido, seja pela presença ou pelo presente.

Agora que você já sabe tudo sobre festa de noivado, já pode começar a organizar a sua. E, depois, conte pra gente como foi!

Bebidas para casamento: o que servir e como escolher

A quantidade e tipos de bebidas para casamento é uma das dúvidas mais frequentes para quem está organizando esse tipo de evento. O que servir, como escolher e as quantidades de diferentes bebidas são as dúvidas mais comuns, mas que precisam ser definidas com antecedência. No entanto, para quem não tem experiência organizando eventos, a tarefa pode ser bastante difícil.

Bebidas para casamentoFonte: Casuarinas Casa e Festas.

Geralmente, o buffet responsável pelo evento faz alguns cálculos para saber a quantidade e quais tipos diferentes de bebidas devem ser servidas de modo a satisfazer todos os convidados. Esse cálculo é superimportante e possui muitas variáveis, o que o torna um pouco complexo. Afinal, ninguém quer um convidado foi mal servido por causa de um erro de cálculo.

Bebidas sem alcool para casamentoFonte: Casuarinas Casa de Festas.

Muitos casais têm optado também pelo serviço de open bar, com preparação de drinks durante o casamento. Esse tipo de serviço é muito interessante, pois é possível inserir bebidas novas e inusitadas, que não temos muito o costume de ver em outros tipos de evento. A quantidade de material necessário para a preparação dos drinks é calculada em relação à quantidade de adultos convidados e o tempo de duração da festa. Além disso, também é possível servir coquetéis sem álcool e fazer a alegria da criançada!

Como calcular as bebidas para casamento

Quem está organizando o próprio evento e deseja aprender como calcular as bebidas para casamento, é necessário um pouco de paciência. Para poder calcular a quantidade e o tipo de bebida que melhor se adéqua a ocasião é preciso levar em consideração os 3 itens mais importantes:

  • Tipo de casamento;
  • Quantidade de pessoas a serem servidas;
  • Duração do evento.

Bar para casamentoFonte: Casuarinas Casa de Festas.

Dicas sobre o que servir:

Drinks e coquetéis tem mais saída entre as mulheres, enquanto os homens costumam preferir whisky e cerveja.

Espumante – Quem optar servir espumante precisa decidir se vai servi-lo do início ao fim da festa ou apenas para um brinde, pois a quantidade para cada caso é diferente. Geralmente, uma garrafa de espumante serve 8 pessoas se ele for servido somente na hora do brinde. Numa festa tipo coquetel ou bolo com champanhe, a mesma garrafa é calculada para duas pessoas, pois a bebida será servida durante toda a festa.

VinhoUma garrafa de vinho, por exemplo, pode ser divida entre 3 e 4 pessoas se forem servidos apenas durante a refeição (almoço ou jantar). No caso de coquetel, em que a bebida será servida ao longo de todo o evento, calcula-se uma garrafa de vinho para 2 pessoas.

Bebidas personalizadas para festa de casamentoFonte: Casuarinas Casa de Festas.

Cerveja – Uma garrafa de cerveja é calculada por convidado em festa com apenas cerveja, refrigerantes e água. Já no caso de festas em que há vinhos, 1 garrafa de cerveja serve  4 convidados. A mesma garrafa de cerveja pode ser calculada para cada 6 convidados se, além da cerveja, a festa tiver vinhos e whisky. Aliás, uma garrafa de whisky pode servir 10 pessoas.

Refrigerantes – Para refrigerantes, calcula-se 400ml por pessoa, se houver outras bebidas, ou 600ml no caso de eventos com refrigerantes e água.

Água – Para água mineral, usa-se 200ml por pessoa. Mas, se for, no verão, essa quantidade pode triplicar.

Drinks para festa de casamentoFonte: Casuarinas Casa de Festas.

Agora que você já sabe alguma coisa sobre bebidas para casamento, o que servir e como escolher, já pode começar a fazer seus cálculos. Mas, se você quiser a ajuda de uma casa de festas com tradição na organização de casamentos, entre em contato com a Casuarinas e peça seu orçamento.