O que está ultrapassado nos casamentos

O que está ultrapassado nos casamentos

O casamento é um evento tradicional, mas há tendências que passam e simplesmente saem de moda. E uma dúvida comum entre as noivas é o que está na moda e o que não é mais usado neste tipo de evento. Veja então o que está ultrapassado nos casamentos.

O que está ultrapassado nos casamentos

Fonte: Pinterest.

1. Fantasminhas para cadeiras: em algum momento do passado, tornou-se tendência vestir as cadeiras, principalmente quando elas não possuíam um visual muito agradável. Os famosos fantasminhas vieram para contornar este problema, mas seu uso exagerado e, muitas vezes, sem motivo, fez com que muita gente passasse a considerá-los cafonas.

2. Casamento ostentação: atualmente, existe uma tendência em realizar eventos simples e elegantes, sem muitos exageros. Seja isso algo natural ou mesmo devido à crise econômica que se agrava no país, os casamentos ostentação tornaram-se sinônimo de algo brega e fora de moda. Além disso, o exagero tende a gerar muito desperdício, o que nunca é legal.

3. Noiva atrasada: foi-se a época que era uma tradição a noiva se atrasar horas para o casamento. Atualmente, profissionais de etiqueta dizem que a noiva se atrasar é sinônimo de falta de educação e desrespeito com os convidados. Além disso, são as próprias noivas que acabam perdendo, pois têm menos tempo para curtir a própria festa.

Dicas para festas de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

4. Fotos de mesa em mesa: é claro que queremos as melhores recordações do nosso casamento, no entanto, ir de mesa em mesa para tirar fotos toma muito tempo e elas nem sempre ficam tão boas quanto se imagina. As fotos mais naturais estão em alta e geram recordações muito mais bonitas e interessantes.

5. Topos de bolo sem graça: atualmente, existem milhares de opções de topos de bolo personalizados lindos! Então, por que escolher um sem graça e que não irá acrescentar nada de interessante a decoração? Busque por uma peça que tenha ótimo acabamento, combine com o tipo de evento e transmita um pouco da personalidade do casal.

6. Topos de bolo em que os noivos parecem amarrados: isso também foi moda por muito tempo, mas passou a ser considerado brega e deselegante. Afinal, se o casal resolveu oficializar sua união, é certo que os dois estejam querendo se casar. Então, porque aparecerem acorrentados? Isso não faz o menor sentido.

Organização de casamento

Fonte: Pinterest.

7. Plaquinhas machistas: pode até ter sido engraçado por um tempo, mas certamente usar plaquinhas com frases machistas é algo que está muito fora de moda. Dizeres como “corre que ainda dá tempo de fugir” ou “não fuja porque a noiva está linda” é algo que pode causar muita polêmica e no qual não vale a pena investir.

8. Cardápio sem opções: atualmente, muitas pessoas fazem opções alimentares que nem sempre condizem com as dos noivos. Outras, realmente tem restrições sérias. Tendo tudo isso em vista, nada mais natural do que oferecer um cardápio com opções para todos os gostos. Isso não é difícil, não encarece o serviço e já é oferecido pela grande maioria dos buffets.

9. Filas enormes: fila para entrar, para cumprimentar, para se servir, para ir ao banheiro… só de pensar, já ficamos cansados. No entanto, isso ainda acontece muito em casamentos. Se o evento for muito grande, o ideal é conversar com as equipes de apoio e encontrar formas práticas e inteligentes para não se formarem filas enormes.

O que não é mais moda nos casamentos

Fonte: The pizza project.

10. Esquecer de servir as equipes de apoio: esse é um assunto muito sério e que precisa ser sempre discutido. Muitas das pessoas que estão trabalhando na festa passarão o dia lá e nem sempre tem tempo para uma refeição decente. Todos têm direito a uma pausa para se alimentar, ir ao banheiro, etc. Converse com todos antes do evento para que isso seja esclarecido.

Agora que você já sabe o que está ultrapassado nos casamentos, organize uma festa ainda mais moderna e divertida.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *