Posts

O que significa ser padrinho ou madrinha de casamento?

É provável que você conheça várias pessoas que já foram padrinhos e madrinhas de casamento, ou mesmo já tenha passado por isso. Mas você sabe o que significa ser padrinho ou madrinha de casamento? Sabe de onde vem essa tradição?

Festa de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Pode parecer engraçado hoje em dia, mas os primeiros padrinhos de casamento eram guerreiros de verdade! Eles defendiam os noivos caso houvesse algum problema durante o enlace. Afinal, até a Idade Média, tentar roubar a noiva para se casar com ela não era algo assim tão incomum. Por isso, os guerreiros ficavam a postos para evitar essa situação.

Mas o costume de se ter padrinhos de casamento foi instituído no Concílio de Trento. Realizado entre 1545 e 1563, esta reunião decretou inúmeros dogmas da igreja, dentre eles o sacramento do matrimônio. Antes disso, o casamento podia ser feito somente entre os noivos: eles faziam os votos um para o outro e estavam casados.

Depois do Concílio de Trento, a situação mudou e um casamento só era reconhecido se fosse celebrado por um pároco e tivesse duas pessoas como testemunha. Daí em diante, este se tornou um verdadeiro evento, crescendo a cada ano, até tomar os moldes que conhecemos atualmente, com vários padrinhos e muitos convidados.

Nos dias de hoje, os padrinhos não são mais considerados apenas testemunhas. É claro que para ter validade civil é necessário que duas pessoas assinem um papel dizendo que o casal está fazendo tudo de livre e espontânea vontade, mas ninguém convida uma pessoa para ser madrinha ou padrinho de casamento somente por motivos burocráticos.

Cerimônia de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Padrinhos e madrinhas têm um papel muito mais de amizade e companheirismo atualmente. Eles não são escolhidos para defender o casal, mas costumam acompanhá-los em vários momentos e até ajudar com a organização do evento, dando opiniões e contribuindo com determinadas escolhas, se envolvendo ainda mais com a vida dos noivos.

Por isso é muito importante escolher os padrinhos e as madrinhas de casamento com muito cuidado e carinho, deixando de lado problemas familiares e outras questões que às vezes nos atrapalham. Os padrinhos de um casamento devem ser escolhidos com o coração, e não porque eles têm dinheiro ou porque foram impostos pela família.

Geralmente, é papel de padrinhos e madrinhas estar disponível sempre que os noivos precisarem de ajuda e aconselhamento, mesmo depois de estarem casados. E, mesmo antes disso, é provável que esse grupo de pessoas tenha que mediar várias situações e ajudar o casal a chegar a um consenso, tanto sobre o casamento, quanto sobre alguma outra questão pessoal.

E vale lembrar que fica a cargo de madrinhas e padrinhos organizar despedidas de solteiro, chá de panela e outros pequenos eventos que costumam ocorrer antes do casamento. Quando a noiva e o noivo vão fazer as provas de seus trajes, é legal que levem pelo menos alguns desses companheiros para ter opiniões sinceras sobre caimento e ajustes.

O que significa ser padrinho ou madrinha de casamento?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

A própria noiva precisa muito de ajuda para conseguir colocar o vestido no dia do casamento e, muitas vezes, é uma das madrinhas que vai com ela nas provas para aprender sobre os vários fechos, zíperes e botões que devem ser fechados no dia do evento. Também é comum ter uma madrinha responsável por ajudar a noiva a manter o visual intacto até o fim do evento.

Os padrinhos também fazem parte deste dia e costumam ser igualmente importantes. Geralmente, eles se arrumam junto com o noivo, ajudando a deixá-lo mais calmo, acompanham o rapaz até a igreja e ficam junto a ele esperando até a hora de entrar na igreja. Todas as brincadeiras feitas durante a festa de casamento também ficam a cargo dos padrinhos, que devem combinar e organizar tudo com antecedência.

Ser padrinho ou madrinha de casamento significa muito mais do que ter um lugar reservado no altar: é fazer parte de uma relação muito profunda e ajudar a zelar por ela. Por isso, pense bem em quem estará junto a você no altar no dia do seu casamento. E, se receber um convite para ser madrinha ou padrinho, considere-se uma pessoa querida e privilegiada.

Tendências em detalhes para vestidos de noiva em 2018

2017 está voando! Já estamos praticamente virando o ano, o que significa que as noivas que vão se casar ano que vem já estão pelo menos pensando em seus vestidos. Se este também é o seu caso, confira as tendências em detalhes para vestidos de noiva em 2018 e acerte na escolha!

Tendências em detalhes para vestidos de noiva em 2018

Fonte: Maggie Sottero.

1. Cores: é claro que o vestido branco tradicional dificilmente vai perder seu posto de queridinho das noivas e dos estilistas. Mas a verdade é que algumas cores já começam a concorrer com o branco clássico. Nude, marfim, rosa claro, azul e até cappuccino são cores que estão sendo apresentadas por estilistas como uma opção ao branco.

Para as noivas mais modernas, um vestido colorido pode ser uma opção surpreendente! Outra opção para aquelas que desejam usar alguma cor, mas não abrem mão do vestido branco, é investir numa faixa de cintura ou mesmo bordados coloridos. Essas opções são mais discretas, adicionam um toque de cor e ainda tornam o vestido mais exclusivo.

2. Bordados florais: a grande maioria dos vestidos de noiva tem algum detalhe bordado, seja ele mais abstrato ou lúdico. A escolha da aplicação de um bordado vai da tendência de cada época, e os florais estão voltando com tudo. Eles ajudam a criar detalhes interessantes no vestido que o tornam mais romântico e único.

Quem optar por um vestido de casamento com bordados florais deve prestar bastante atenção no local em que a aplicação é feita. O detalhe atrai o olhar e, portanto, deve estar num espaço do vestido que favoreça a noiva e o que ela queira destacar. Entretanto, é válido tomar cuidado com a quantidade de bordados para não fica exagerado.

Vestido de noiva 2018

Fonte: Suzhou Dress.

3. Gola alta: sinônimo de estilo e elegância, a gola alta já é usada em vestidos de noiva há bastante tempo. Antigamente, era mais comum ver vestidos com gola alta, pois era uma exigência que a noiva fosse recatada. Contudo, ela tem aparecido com cada vez mais frequência, retomando esta moda tão clássica.

A gola alta alonga a silhueta e dá a impressão de que a noiva é mais alta e está com a postura melhor, mas pode não ser uma boa opção para as moças mais cheinhas ou que possuem muito busto. Ela pode dar a impressão de que a área do colo é ainda maior, o que nem sempre é a melhor opção para uma noiva que deseja parecer mais esguia.

4. Laços: outro detalhe muito comum no passado e está voltando para tornar os vestidos de noiva mais românticos são os laços. Eles podem ser aplicados no vestido tanto em locais mais tracionais, como costas ou cintura, ou em outros mais inusitados, como na manga, na barra ou mesmo no decote.

Os laços são outro elemento que ajudam a tornar um vestido mais personalizado, mas deve ser usado com cuidado. Há tipos de laço muito volumosos que podem acabar chamando mais atenção do que deveriam ou mesmo fazendo a noiva parecer mais cheinha. E vale ressaltar que o excesso de laços também pode poluir o visual.

Organização de casamento

Fonte: One Fab Day.

5. Capas: capas nada mais são do que adornos para os ombros, que podem tanto proteger a noiva das intempéries quanto complementar o visual deixando-o mais recatado para a cerimônia. Muitas noivas que optam por vestidos muito decotados procuram algo para se cobrir durante o evento religioso e uma capa pode ser uma opção bonita e diferente.

A capa pode ser tanto longa quanto curta. Se você resolver optar por este visual, prove a capa junto com o vestido para ver se esta é a melhor opção. E não se esqueça que, dependendo de como for sua capa, ela pode acabar competindo com o véu, tornando-o desnecessário e fazendo com que seja preciso escolher outro tipo de adorno para os cabelos.

É claro que essas são apenas algumas tendências em detalhes para vestidos de noiva em 2018, mas nada impede de você customizar o vestido do seu jeito. Seu casamento deve ser único e ao seu estilo.

Devemos ou não convidar crianças para o casamento

Alguns casais sempre têm dúvidas se devem ou não chamar crianças para o casamento. Afinal, se por um lado elas são lindas e alegram qualquer ambiente, por outro elas também podem acabar chateando as pessoas. Mas será que devemos ou não convidar crianças para o casamento?

Crianças no casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

É claro que os noivos têm o direito de decidir quem será convidado para o casamento e podem sim não incluir as crianças nesta lista. Muita gente argumenta que casamento não é lugar de criança: ele não começa cedo, vai até de madrugada, a comida é servida tarde e também há muito barulho. Ou seja, o ambiente não é nada propício para os pequenos.

E é claro que, com isso tudo, algumas crianças podem acabar ficando um pouco entediadas e chateadas, o que as leva a chorar, fazer birra e pedir para ir embora. Isso também impede os pais de curtirem a festa, pois acabam precisando voltar para casa mais cedo do que desejavam devido ao comportamento da criança.

Por outro lado, excluir as crianças de um evento como um casamento pode colocar os noivos numa situação difícil e constrangedora. Afinal, o casamento é visto como uma festa familiar e os noivos são duas pessoas que desejam constituir uma família. Logo, crianças estarão envolvidas nesta história em breve.

Também é preciso lembrar quem muitas crianças adoram casamentos, principalmente as meninas. Os pequenos curtem muito ver a noiva e costumam se divertir na festa, principalmente se houver pista de dança, distribuição de acessórios e cabine de fotos. Há crianças, inclusive, que gostam de entrar no meio dos adultos para tentar pegar o buquê!

Devemos ou não convidar crianças para o casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

E não podemos esquecer que nenhum casamento fica completo sem as damas e pajens! Eles são lindos, arrancam suspiros dos presentes e fazem parte de uma tradição muito antiga. É bem difícil ter damas e pajens na cerimônia de casamento e barrá-los na festa, principalmente porque eles se sentem parte importante do evento.

Não convidar crianças para o casamento pode realmente causar problemas e ofender as pessoas, principalmente porque os pequenos são considerados extremamente importantes. Por isso, se você pensa em não convidar crianças para o seu casamento, esteja preparado para argumentar muito com os pais e até não contar com suas presenças.

Por outro lado, também não é legal ficar questionando os noivos que resolvem não convidar crianças para o casamento. Eles provavelmente têm seus motivos, que podem até ser financeiros, para deixar os pequenos de fora. Muitos buffets adicionam crianças na conta como adultos, mesmo elas não consumindo tanto, o que acaba fazendo com que os casais desistam de convidá-las.

Se você recebeu um convite de casamento e não sabe se ele se estende também a seus filhos, tente verificar junto à família do casal. Observe também o número de convites individuas, pois se não houver um número suficiente para todos da sua família, é provável que as crianças não estejam convidadas ou que não precisem de convites individuas para acessar a festa.

Crianças no casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Caso esteja escrito no convite “Senhor e Senhora”, geralmente isso já indica que as crianças ficaram de fora. Por outro lado, se vier “Senhor Fulano e Família” ou “Família Fulano”, é porque todos foram convidados e podem comparecer ao evento sem susto. Levar a um casamento pessoas que não foram convidadas é falta de educação. Por isso, é tão importante saber se crianças realmente podem ir.

Não convidar crianças para um casamento não é proibido, mas tão pouco pode ser considerado algo simpático de se fazer. Por isso, se possível, convide todos os pequenos, pois isso vai evitar muitos problemas, inclusive no futuro, quando você tiver filhos.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Atualmente, o estilo de vida saudável está em alta, o que se reflete em vários costumes, inclusive na organização de casamentos. Não é incomum encontrar casais que desejam servir um cardápio com opções saudáveis e funcionais na festa de casamento. Mas será que vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Buffet fitness

Fonte: Pinterest.

Um cardápio que une o requinte e elegância que um casamento exige, mas sem deixar as pessoas nem os noivos com peso na consciência: assim são os cardápios fitness, que buscam ter pratos gostosos e bonitos, mas que também sejam nutritivos e apresentem uma baixa contagem de calorias e pouca gordura.

É claro que se o casal costuma levar uma vida saudável e sempre busca investir numa alimentação mais funcional, nada mais natural do que seguir a mesma linha quando vão escolher o cardápio do casamento. Porém, se eles não têm esse costume, investir em um cardápio fitness para o casamento pode causar um enorme estranhamento e agradar muito pouco, inclusive a eles próprios.

Geralmente, os noivos escolhem um cardápio que tenha a cara deles e, claro, é importantíssimo que fiquem satisfeitos com o que estão escolhendo. Mas também é válido lembrar que é preciso agradar os convidados, o que também torna importante ter opções mais tradicionais. Afinal, nem todo mundo gosta de um cardápio fitness.

Independente do estilo do casamento, ter em mente que servir uma boa variedade de opções de comida é importante para que todos os convidados se sintam contemplados com alguns itens. E, dentro dessas várias opções, é possível incluir pratos fitness e saudáveis que se relacionem com o estilo de vida do casal.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Fonte: Pinterest.

Nesse sentido, mesclar opções saudáveis com outras mais tradicionais pode ser bem interessante e agradar a todos os presentes no evento. Saladas e proteínas magras grelhadas (como frango e peixe) assim como massas integrais e sem glúten, por exemplo, combinam entre si e costumam funcionar bem dentro de vários tipos de cardápios, inclusive para casamentos.

Vale lembrar que muita gente, ao pensar em um cardápio fitness, ainda pensa que ele é bem monótono e serve apenas coisas como frango, batata doce e ovos cozidos. Porém, nos dias de hoje, existe uma grande variedade de opções saudáveis maravilhosas que podem se encaixar bem num cardápio de casamento fitness, e fazer bastante sucesso entre os mais diferentes convidados.

Na maioria das vezes, o cardápio com opções saudáveis surpreende positivamente as pessoas, principalmente aquelas que não estão acostumadas com uma culinária mais funcional. Muita gente não conhece todas as opções que são possíveis de serem construídas com alimentos mais saudáveis e acaba espantada com os sabores maravilhosos que experimenta.

Mas, para não decepcionar os convidados, investir em um cardápio que inclua várias opções saudáveis e outras mais “gordinhas” é uma ótima ideia. Dispensar completamente os itens mais tradicionais, como salgadinhos e finger foods, pode causar um estranhamento muito grande nas pessoas e fazer com que elas sintam que não têm opções.

Vale a pena investir em um cardápio fitness para o casamento?

Fonte: Skiplagged.

Para quem também está com um orçamento limitado, misturar o cardápio fitness com o tradicional pode ajudar a economizar um pouco. Afinal, como os ingredientes utilizados na gastronomia funcional são diferenciados e mais caros, um buffet de casamento montado exclusivamente com opções fitness pode acabar sendo muito oneroso.

Por isso, se você está pensando em investir em um cardápio fitness para o casamento, não tenha medo de fazer esta opção saudável. Mas não se esqueça que nem todo mundo pode gostar da ideia e, por isso, é bom ter algumas opções para as pessoas que gostam de um cardápio de casamento mais tradicional.

Dicas para se preparar para o grande dia

O dia do casamento é corrido para todos e os noivos (principalmente a noiva) ficam estressados com tudo o que está acontecendo e contratempos que aparecem de última hora. Por isso, tão importante quanto ter uma ótima equipe trabalhando para transformar seu sonho em realidade é buscar algumas dicas para se preparar para o grande dia.

Dicas para se preparar para o grande dia

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

A Casuarinas Casa de Festas traz algumas dicas para quem deseja se preparar a longo prazo e chegar no dia do casamento mais tranquilo:

1. Planeje com antecedência: quanto antes você planejar, mais difícil as coisas darem errado no dia. Isso porque quando planejamos com antecedência geralmente também acabamos criando planos alternativos. Além disso, a equipe responsável em montar o evento também terá mais tempo para entrar em ação caso algo planejado não saia corretamente.

2. Tenha uma assessoria cerimonial: além de ajudar na organização, a assessoria cerimonial também coordena e trabalha na montagem do casamento. Conhecer bem a equipe e dar a ela todos os contatos de todos os fornecedores e programações de entregas e horários é fundamental para ter um dia tranquilo e tempo para se preparar para cerimônia e festa.

3. Delegue tarefas: acumular um monte de tarefas para o dia do próprio casamento pode ser a receita certa para o desastre, pois além de atrapalhar seu planejamento, deixando-o atrasado, também pode acabar elevando os níveis de estresse. Por isso, delegue tarefas a pessoas próximas e confie em sua equipe de assessoria cerimonial.

4. Planeje seu dia: geralmente, a noiva planeja o dia do casamento com alguma antecedência porque precisa buscar um lugar legal para o dia da noiva e bons profissionais para fazer cabelo, maquiagem e outros procedimentos. Porém, também é importante programar as refeições e outras atividades que você precisará fazer. Planeje seu dia para ter tempo para tudo.

Como se preparar para o grande dia

Fonte: A Wedding Chapel in Las Vegas.

5. Faça um teste de cabelo e maquiagem: há quem ache isso dispensável. No entanto, chegar no dia do evento sem saber direito como será o visual da noiva pode ser um problema. O teste permite tentar diferentes penteados e maquiagens para se chegar ao dia do evento com a certeza do que será feito, sem alterações de última hora.

6. Faça exercícios regularmente: assim como planejamos a cerimônia e a festa do casamento, também devemos nos preparar fisicamente para este dia. E isso pode significar começar a praticar exercícios físicos regularmente. Isso vai ajudar a chegar ao casamento não só com o corpo mais em forma, mas também a ter mais fôlego e disposição para encarar a correria deste dia.

7. Se alimente corretamente: é normal não conseguir comer direito quando a rotina está corrida, mas é importante tentar se alimentar corretamente sempre, principalmente quando o casamento está chegando. Para além de um visual bonito e uma silhueta esguia, buscar uma alimentação balanceada ajuda no equilíbrio físico e mental sempre.

8. Prove a roupa quando for buscá-la: é comum os noivos buscarem seus trajes um ou dois dias antes do casamento para que eles se conservem melhor até a hora do evento. Porém, nem sempre eles se lembram de provar, o que pode ser bem importante. Afinal, a roupa pode apresentar algum fio puxado ou pequeno defeito que será fácil de consertar na loja, mas não na hora do evento.

Dia do casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

9. Amacie os sapatos: mesmo que você vá alugar o traje do casamento, é provável que compre o sapato que irá usar no grande dia. E sapatos novos podem machucar ou apertar conforme os usamos por longos períodos. Por isso, coloque os sapatos algumas vezes dentro de casa para amaciá-los. Assim, no dia do casamento, ele estará bem mais confortável.

10. Faça um check list: para não esquecer nada, é importante fazer uma lista de atividades e itens que não podem ser esquecidos no grande dia. Comece a fazê-la com antecedência e, no dia do casamento, utilize-a como uma check list. Faça cópias para pessoas próximas e também para a equipe de assessoria cerimonial para realmente garantir que tudo sairá corretamente.

O que oferecer para os padrinhos de casamento

Padrinhos de casamento não são escolhidos ao acaso. Eles são pessoas super importantes na vida do casal e, muitas vezes, têm um papel fundamental na relação. Por isso, nada mais natural do que dar a eles um mimo especial quando for hora de oficializar o pedido para que façam parte do casamento. Mas o que oferecer para os padrinhos de casamento?

Padrinhos de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

No meio da correria que é a organização de um casamento, nada melhor do que separar um tempo para se encontrar com os amigos e fazer esse convite tão especial. E, se for acompanhado de um presente para eternizar o pedido, tudo pode ficar ainda melhor. Afinal, essa é uma forma bem legal de agradecer a presença dessas pessoas especiais na vida do casal.

O problema é que nem sempre sabemos o que oferecer para os padrinhos de casamento. Será que vale a pena investir em algo grandioso e personalizado? Ou dar uma lembrancinha simples é o suficiente? A verdade é que não existe uma obrigatoriedade em dar um presente às pessoas quando são convidadas para padrinho ou madrinha de casamento, mas é de bom tom fazer isso.

Esse presente é mais simbólico, uma forma de agradecer a pessoa por ter aceitado fazer parte do casamento. Afinal, madrinhas e padrinhos precisam desempenhar várias funções no planejamento do casamento e também acabam tendo que investir em roupas, sapatos, cabelo, maquiagem, presente, etc. Por isso, nada mais natural do que oferecer uma lembrança especial para eles.

Mas se um presente para cada uma dessas pessoas não couber no seu orçamento, não tem problema: às vezes, um cartão de agradecimento convidando o padrinho para conhecer a casa nova pode cumprir bem esse papel. Reunir todos os padrinhos e marinhas depois do casamento e oferecer um jantar para eles, por exemplo, é um super presente!

O que oferecer para os padrinhos de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Porém, se você acha melhor oferecer uma lembrança especial e personalizada, confira algumas sugestões da Casuarinas Casa de Festas:

1. Kit banho/barba: algo que sempre é muito útil são produtos de beleza, como sabonete, xampu, espuma de barba, dentre outros. Várias perfumarias montam este tipo de kit, mas também é possível encomendar kits personalizados com o nome do padrinho/madrinha, nome do casal e data do evento. Assim fica todo mundo preparado para se arrumar no dia do casamento.

2. Champanhe e taças personalizadas: se tem algo que combina com casamento é champanhe. Por isso, é bem comum entregar a bebida como lembrança do evento, principalmente para os padrinhos. A vantagem de colocar taças junto é que elas podem ser guardadas mesmo depois da bebida ter sido consumida.

3. Caixa com miniaturas de bebidas: essa tem se tornado uma opção tradicional para oferecer aos padrinhos e madrinhas e pode incluir mini garrafas de champanhe, de vinho, de vodca, de uísque, dentre outras. Outra opção são as cervejas gourmet, que estão em alta e também são muito apreciadas, principalmente por um público mais jovem.

Presente para padrinhos de casamento
Fonte: Fina Flor Doces.

4. Caixa de bombons finos: todo mundo adora um chocolate de boa qualidade. Por isso, uma caixa de bombons finos pode realmente ser uma ótima opção para oferecer aos padrinhos de casamento. Se a caixinha for bonita e personalizada de alguma forma, ainda pode ser aproveitada posteriormente para guardar pequenos objetos.

5. Chinelos personalizados: distribuir chinelos no casamento tem se tornado algo comum. Porém, essa pode ser uma ótima alternativa para oferecer aos padrinhos e madrinhas e é algo que eles podem utilizar por bastante tempo mesmo depois do evento. Eles também podem levar a lembrança para usar na festa e dar um descanso aos pés.

6. Gravata/joias: é muito tradicional oferecer aos padrinhos a gravata que eles devem usar no dia do casamento, para que todos usem a mesma cor e modelo. Depois eles podem guardar de recordação e usar em outras ocasiões. Já para as madrinhas, oferecer uma joia (ou semi-joia) pode ser uma ótima alternativa para elas usarem no dia do evento e depois quando desejarem.

7. Canecas personalizadas: outra lembrança que pode ser bem útil na vida dos padrinhos e madrinhas são canecas. Afinal, todo mundo precisa de uma praticamente diariamente, para tomar um café ou mesmo para deixar no escritório e evitar o uso de copos descartáveis. A caneca pode ganhar personalização, como o nome do padrinho e a data do evento.

O que dar para padrinhos de casamento
Fonte: Pinterest.

8. Mini bolo: para antecipar um pouco do que será visto no casamento, o casal pode oferecer para seus padrinhos e madrinhas um mini bolo. Essa também é uma lembrancinha comestível que costuma fazer muito sucesso sempre. Para complementar, talheres de sobremesa personalizados que podem ser guardados são ótimas opções.

9. Charutos: esses são um presente mais para os padrinhos (mas se alguma madrinha gostar, nada impede de ela ganhar também). O charuto é um elemento muito ligado a comemorações e, por isso, distribuído quando um casal anuncia que irá se casar. Porém, como pode ser um pouco caro dar a todos os convidados um charuto, oferecer para os padrinhos pode ser uma alternativa mais viável.

10. Kit manicure: já esta é uma lembrança mais para as madrinhas, pois é um costume feminino fazer as unhas com certa periodicidade e certamente todas irão fazer as unhas nas vésperas do casamento. Assim, as madrinhas já ficam preparadas para esta e outras ocasiões com uma lembrancinha super charmosa e que pode ser levada na bolsa.

Fotojornalismo para casamento: saiba mais desse estilo que está em alta

Se existe um tipo de fotografia para casamento que tem conquistado o coração dos casais é o fotojornalismo. Mas o que você sabe sobre isso? Conheça o fotojornalismo para casamento e saiba mais desse estilo que está em alta.

Fotos de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Fotos naturais e tiradas quando ninguém está esperando marcam o fotojornalismo. Isso faz com que o fotógrafo consiga registrar os momentos sem interferir neles, deixando as imagens mais interessantes e criativas. Para que o álbum de casamento fique completo, é importante ter algumas fotos posadas, mas a proposta do fotojornalismo é registrar tudo da forma mais espontânea possível.

O fotojornalismo para casamento herdou praticamente todas as suas técnicas do fotojornalismo que é feito para revistas e jornais. Muitos fotógrafos que trabalharam por anos vendendo imagens para veículos de comunicação começaram a se dedicar a fotografia para casamento, o que acabou popularizando esse estilo, que veio para ficar.

Junto a isso, também há o desejo dos noivos de registrar o dia do casamento da forma mais natural e espontânea possível, desde os momentos de nervosismo antes da cerimônia, quando os noivos estão se arrumando, até os momentos mais descontraídos, durante a festa e até depois dela.

Um fotógrafo de casamento que trabalha com fotojornalismo interage o mínimo possível com as pessoas, para que isso não interfira nas imagens. Afinal, para que as fotos fiquem realmente naturais e espontâneas, é importante que as pessoas nem percebam que estão sendo fotografadas. Um fotojornalista precisa ter paciência e experiência para perceber o momento certo de fazer uma foto.

Fotojornalismo para casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Através do fotojornalismo para casamento é possível contar a história do dia sem que sejam necessárias palavras e, por isso, esse estilo se tornou tão querido pelos casais que desejam uma forma de registrar como se sentiram durante todo o tempo. Esse tipo de trabalho é tão bonito que muitos profissionais de fotografia acabam ganhando fama e prêmios com suas imagens de fotojornalismo em casamentos.

O fotojornalismo busca registrar os momentos como eles realmente aconteceram, sem criar situações ou poses artificiais. Assim, sorrisos e lágrimas parecem muito mais verdadeiros do que se o fotógrafo e sua equipe estivessem pedindo para que as pessoas agissem em determinadas formas. Isso ajuda a manter a memória do evento mais viva, mesmo quando olhamos para as fotos muito tempo depois.

Ao fotografar momentos espontâneos, as imagens acabam passando sentimentos que imagens posadas ou situações simuladas jamais conseguiriam passar, fazendo com que as pessoas que veem as fotos se sintam muito mais tocadas e emocionadas. Por isso, o fotojornalismo para casamento tem estado tão em alta e parece que irá se manter assim por muito tempo.

Casais que desejam este tipo de registro em seus eventos devem procurar por profissionais especializados. É importante contratar uma equipe experiente e que saiba o que está fazendo, pois para que o trabalho com fotojornalismo para casamento fique realmente bom, os profissionais devem ter certa experiência neste tipo de registro.

Fotojornalismo para casamento: saiba mais desse estilo que está em alta

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Também é importante que a equipe de fotografia contratada não tenha apenas fotojornalistas, pois fotos posadas também são importantes para o registro de um casamento. Ter aquelas fotografias tradicionais, dos noivos com seus familiares e padrinhos em torno da mesa do bolo, por exemplo, são muito válidas e complementam bem o álbum.

Além disso, alguns casais gostam de presentear familiares e parentes com fotografias do evento e, geralmente, escolhem essas imagens posadas na qual todos aparecem juntos. Mesmo que nem todas as imagens apareçam no álbum de fotos, elas são boas recordações do evento tanto para os noivos quanto para as pessoas que aparecem nas imagens.

Quando você estiver escolhendo os profissionais que vão fotografar seu casamento, não se esqueça de verificar se eles trabalham com fotojornalismo se você deseja que seu evento seja registrado de forma mais natural, espontânea e dinâmica.

Conheça todas as funções da assessoria cerimonial

Planejar um casamento pode ser bem estressante. Por isso, contratar ajuda profissional pode ser uma ótima ideia para casais que não querem ficar sobrecarregados. Conheça todas as funções da assessoria cerimonial.

Conheça todas as funções da assessoria cerimonial

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Os profissionais de assessoria cerimonial podem trabalhar de forma individual, mas o mais comum é contar com uma equipe. E poder contar com vários profissionais para organizar seu casamento pode ser realmente melhor do que tentar fazer tudo sozinho, porque essas pessoas já estão mais do que acostumadas a criar projetos inesquecíveis.

Muita gente pensa que contratar uma assessoria cerimonial é muito caro e acaba nem pesquisando os valores desse serviço, mas a verdade é que ele pode tornar o casamento mais econômico para os noivos. Assessores cerimoniais conhecem muitos outros profissionais que acabam oferecendo parcerias bastante vantajosas para os noivos.

Essas parcerias podem gerar preços mais baixos, descontos, melhores condições de parcelamento e até brindes interessantes.

Contratar o trabalho de profissionais indicados pode ser muito melhor do que buscar por novos profissionais. Afinal, ninguém indicaria um profissional que não cumpre com seus contratos.

A maior parte do trabalho da assessoria cerimonial ocorre durante o planejamento do evento. Os assessores trabalham no sentido de transformar todos os sonhos dos noivos em realidade, correndo atrás de outros profissionais e soluções viáveis para os pedidos. Assim, é natural que os noivos precisem manter contato constante com a equipe contratada.

Assessoria cerimonial de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

É comum que a equipe de assessoria cerimonial não só indique profissionais como também marque e acompanhe os noivos em diversas ocasiões, como as provas dos trajes, as degustações para decidir o cardápio do evento e até visitas a espaços e a decoradores para ajudar na escolha do que será usado.

Como trabalham especificamente com eventos de todos os tipos e portes, os assessores sabem indicar exatamente o que está em alta e o que está saindo de moda, além de poder ajudar a desenvolver ideias originais e até antecipar tendências. Tudo isso pode ajudar a tornar o seu casamento ainda mais personalizado e inesquecível.

Muitos assessores cerimoniais acabam também servindo como conselheiros dos noivos, indicando os melhores caminhos e as pessoas certas para transformar o evento dos sonhos em realidade. Podem, inclusive, agir como mediadores junto aos noivos, principalmente quando o casal não consegue chegar a um consenso.

A parte mais popular da assessoria cerimonial é o trabalho dos cerimonialistas no dia do evento. Noivas que conseguem organizar todo o casamento sem a ajuda de assessores ou consultores muitas vezes contratam apenas o trabalho de uma cerimonialista para o dia do evento, para poder desfrutar mais do dia da noiva e ter alguém tomando conta de tudo enquanto ela se arruma.

Organização de casamentos

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Para tanto, a cerimonialista precisa dos contatos de todos os fornecedores para poder coordenar bem toda a montagem do evento. Além disso, a cerimonialista também ajuda a organizar a cerimônia religiosa, a entrada dos padrinhos e dos noivos na igreja, a chegada ao local da festa, a hora das fotografias na festa, dentre outras coisas.

É comum a equipe de assessoria cerimonial disponibilizar cerimonialistas para o dia do evento, o que facilita muito a vida dos noivos. Assim, todos podem ficar mais tranquilos sabendo que a mesma equipe que organizou o casamento é aquela que irá executar todo o projeto, colocando o cronograma planejado em pleno funcionamento.

Ao começar a planejar o casamento, pode ser um bom momento para procurar uma equipe de assessoria cerimonial para te ajudar. E mesmo que você já esteja com tudo encaminhado, pode contratar uma assessoria para ajudar com o que falta e também trabalhar no dia do evento, mantendo tudo em ordem.

Como convencer seus pais a não se meterem no planejamento do casamento

Planejar um casamento é uma experiência única e trabalhosa, mas que vale a pena. E é claro que, ao longo dessa jornada, vão surgir muitas pessoas querendo opinar sobre o que você está fazendo. Os pais dos noivos, por exemplo, podem não saber a hora de parar, o que causa várias indisposições. Por isso, veja algumas dicas de como convencer seus pais a não se meterem no planejamento do casamento.

Cerimônia de casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Principalmente quando os pais estão pagando pelo casamento, muitos se sentem no direito de dar opiniões, fazer escolhas e impor suas próprias vantagens. Porém, mesmo quando são os próprios noivos que pagam pelo casamento, muitos pais se sentem no direito de se intrometerem em tudo. E isso não é bom nem saudável, pois o casal pode sentir como se os pais não confiassem em suas próprias decisões.

Em alguns casos, esse tipo de situação pode, inclusive, abalar a estrutura familiar, fazendo com que o casal se afaste dos pais num momento em que o natural seria todos estarem ainda mais próximos e unidos. Porém, quanto mais jovem o casal, mais difícil tende ser para eles lidarem com essas intromissões dos pais.

Por outro lado, os próprios pais nem sempre percebem o que estão fazendo e o quanto essa postura intrometida e autoritária está chateando seus filhos. Dizer a um adolescente que você não irá pagar por um supérfluo é uma coisa; dizer ao casal de noivos que eles não podem escolher um determinado item para o casamento porque não gostou é outra completamente diferente.

Há pais que sofrem muito com a saída de seus filhos de casa e buscam formas de reforçar esse contato que nem sempre são boas. Uma delas é se intrometer em assuntos relacionados ao casamento. Essas pessoas pensam que estão ajudando os filhos a tomar as melhores decisões possíveis. Porém, geralmente, acabam tentando impor suas vontades, deixando o casal ainda mais chateado.

Como convencer seus pais a não se meterem no planejamento do casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

É claro que a experiência dos pais pode ajudar muito na organização de um casamento, mas querer impor suas próprias vontades achando que seu gosto pessoal é melhor que o dos noivos é uma estratégia que, dificilmente, dá certo. Muitos filhos gostam de ouvir as opiniões dos pais, mas a forma com as quais elas são dadas pode fazer toda a diferença.

Os pais precisam entender que os filhos não são mais crianças. Se os pais se propuseram a pagar pelo casamento ou não, eles devem confiar no bom gosto e boa administração financeira dos filhos. Afinal, se o casal está planejando se unir e começar a própria família é porque eles já têm maturidade suficiente para tomar suas próprias decisões.

O ideal para convencer seus pais a não se meterem no planejamento do casamento é conversar muito com eles. Não deixe nenhuma situação que lhe incomoda passar sem que você avise que eles passaram dos limites. Assim vocês vão delimitando esse comportamento e fazendo com que a participação dos pais ocorra em momentos oportunos.

Um passo a passo pode ajudar os noivos a conversar com os pais:

1) Se já se decidiram casar, escolha o horário ideal para a conversa fluir sem o estresse da data mais próxima. Vale a pela lembrar que a proximidade da data e de quão envolvidos os pais estiverem pior será convencê-los de deixa-los mais livres;

2) Se um dos pais estiver ‘naqueles dias’ sem querer muita conversa, o casal de noivos deve optar por outro dia;

3) Usar o humor pode ser uma boa saída para quebrar o gelo. O sarcasmo deve ser evitado para não ferir ainda mais os sentimentos;

4) Use os amigos. Dizer que amigos mais próximos irão ajudar também pode ser uma opção. Cuidado para não ferir demais aqueles pais que se sentem tão próximos da vida dos filhos. A sugestão é sempre deixar algo para eles fazerem, sabendo que não influenciarão tanto no casório;

5) Quando um dos pais for mais sentimental, separem um tempo para conversar a sós e expor a necessidade de fazer do jeito de vocês;

6) Cada um pode conversar com os pais separadamente. Muitas vezes um dos pais não curtiu muito a escolha do par feita pelo(a) filho(a). Nesse caso, vale a pena conversar sozinha(o) com o parente separadamente e convencê-lo(a) de que tudo dará certo.

Simplesmente jogar opiniões e juízos de valor no ar não significa, necessariamente, estar fazendo uma contribuição para o casamento. Isso, muitas vezes, magoa e leva a discussões desnecessárias. É claro que os pais devem participar dos preparativos para o casamento, mas também devem expor suas opiniões de forma clara e quando elas forem solicitadas.

Preparação para o casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

O momento de preparação de um casamento deve ser um tempo de união, pois também tende a ser os últimos meses em que os noivos moram com seus pais. E sair de casa brigado com pessoas que tendem a ser tão importantes nunca é bom, pois gera muito mal-estar e pode fazer, inclusive, com que os pais não compareçam ao casamento.

Convencer seus pais a não se meterem no planejamento do casamento não é difícil, mas pode exigir um diálogo bastante aberto e franco que não só vai melhorar a relação familiar de todos, como também vai preparar todos para o futuro.

Por que fotografar o making of dos noivos?

Apesar de ser uma tendência que já dura há muitos anos, nem todos os casais fazem fotos de sua preparação no dia do casamento. No entanto, não realizar essa sessão de fotos pode gerar algum arrependimento no futuro. Mas por que fotografar o making of dos noivos?

Por que fotografar o making of dos noivos?

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

As horas que antecedem a maioria dos casamentos é marcada por muita emoção e nervosismo. Mas também contém muita felicidade, sorrisos e histórias para contar. Por isso, é comum os noivos realizarem um making of do casamento, registrando os momentos que antecedem o evento com fotos e, às vezes, vídeos.

O fato da grande maioria dos casais também não se arrumarem juntos para o casamento faz com que muita gente deseje ter este registro para mostrar para seu parceiro como foi essa preparação. Ter registros de daquele momento individual de cada um, mas que poderão compartilhar posteriormente através dessas imagens.

A verdade é que a preparação tanto da noiva quanto do noivo é um momento muito importante e de muita emoção, mas em que ambos geralmente não ficam juntos para ter um fator surpresa na hora do evento. Por isso, nada mais natural do que desejar ter registros destes momentos para guardar de lembrança e mostrar para as pessoas.

O making of do casal não é simplesmente um registro fotográfico como outro qualquer. Ele eterniza momentos de extrema emoção que cada um dos noivos divide apenas com pessoas que são muito importantes. Afinal, é comum a noiva optar por se arrumar junto com sua mãe, sogra e madrinhas para poder dividir toda essa alegria que antecede um casamento.

Making Of do Casamento

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Além disso, uma das tradições de casamento mais comuns diz que o noivo não pode ver o vestido na noiva ou a moça pronta antes da cerimônia. E isso é um dos principais fatores que impossibilita os casais de se arrumarem juntos. Afinal, muita gente gosta de seguir as tradições, por mais antigas que elas sejam.

Vale ressaltar que ver a cara de surpresa de um noivo quando ele vê sua amada entrando na igreja é sempre muito bonito, mas esta tradição não é tão romântica assim. Afinal, ela é bem antiga, da época em que os casamentos eram arranjados e os rapazes eram impedidos de ver suas noivas antes do casamento para não fugir caso não gostassem da pretendente.

Seja como for, fotografar o making of dos noivos tornou-se uma arte. Existem profissionais especializados em realizar esse tipo de imagem e transformar momentos de tensão e nervosismo em fotografias tão encantadoras que acabam sendo colocadas no álbum de fotos do casamento, fazendo com que elas se tornem uma parte importante dos registros deste dia.

Como a noiva costuma ser o centro das atenções e sua preparação demora mais, pois muitas escolhem fazer vários tipos de tratamentos estéticos e relaxantes no dia do casamento, é comum que o making of do casamento seja focado nela. Os making of para noivas são muito mais populares do que para os noivos. No entanto, nada impede os rapazes de fazerem um registro fotográfico deste momento.

Making Of do Noivo

Fonte: Casuarinas Casa de Festas.

Fotografar o making of dos noivos pode deixar o álbum do casamento muito mais interessante, com fotos tanto da preparação da noiva quanto do noivo, que podem ser mescladas como se uma história estivesse sendo contada.

Casais que desejam registrar o making of do casamento devem combinar isso com antecedência junto à equipe contratada, para que não ocorram problemas no dia do evento. Felizmente, a maioria dos fotógrafos de casamento já está acostumada com este tipo de pedido e oferecem equipes preparadas para a realização de belos registros.